Diario de Pernambuco
Busca

MEIO AMBIENTE

Com foco na sustentabilidade, educação e transição energética, estado lança pacote ambiental

O "PerMeie" foi lançado, nesta quinta (30), pela governadora Raquel Lyra (PSDB), que está na CVOP-28, em Dubai, nos Emirados Árabe

Publicado em: 30/11/2023 11:44 | Atualizado em: 30/11/2023 12:22

A governadora Raquel Lyra (PSDB) fez o anúncio do plano "PerMeie", durante reunião de chefes de estados de todo o mundo, na COP 28, em Dubai (Foto: Reprodução/Redes sociais )
A governadora Raquel Lyra (PSDB) fez o anúncio do plano "PerMeie", durante reunião de chefes de estados de todo o mundo, na COP 28, em Dubai (Foto: Reprodução/Redes sociais )

Alinhado a políticas públicas em economia sustentável do mundo, Pernambuco lançou um plano ambiental. 
 
Nesta quinta (30), o governo apresentou um pacote de ações, o “PerMeie”. A idéia é  garantir a  mudança econômica-ecológica, com foco na sustentabilidade, educação e transição energética. 
 
O anúncio foi feito pela governadora Raquel Lyra (PSDB), durante a COP 28, reunião de chefes de governo de todo o mundo, em Dubai, nos Emirados Árabes, no Oriente Médio. 
 
Lyra é a única representante da região Nordeste a participar do debate internacional sobre o meio ambiente e economia sustentável. 
 
De acordo com o governo, o plano estabelece um pacote de ações que redireciona toda a economia do estado,para um desenvolvimento inclusivo, sem deixar de recuperar e proteger o meio ambiente. 
 
Ainda segundo a gestão estadual, o lançamento do PerMeie é o grande produto do Governo do Estado após a Reforma Administrativa da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade de Pernambuco, promovida por Raquel Lyra no início de sua gestão.

"O PerMeie trabalha o reposicionamento da economia de Pernambuco com um olhar para a sustentabilidade e mudança climática. É possível ver a mudança climática presente no nosso estado todos os dias, com o aumento da estiagem, as chuvas que ano a ano sacrificam a nossa população, sobretudo aquela mais vulnerável. O reposicionamento da economia do estado trabalhamos com justiça social, mais emprego e renda, com a economia verde, agroecologia do Cais ao Sertão, integrando todo o estado", ressaltou Lyra. 

Ainda de acordo com a gestão estadual. a iniciativa foi construída com base em sete pilares de atuação: Indústrias sustentáveis; Transição energética ágil, responsável e justa; Ativos Ambientais e Mercado de Carbono; Agricultura familiar resiliente; Educação Técnica, Pesquisa, Desenvolvimento & Inovação; Governo sustentável; e Noronha Sustentável.
De acordo com o governo, o plano estabelece um pacote de ações que redireciona toda a economia do estado,para um desenvolvimento inclusivo, sem deixar de recuperar e proteger o meio ambiente (Foto: Agência FreePik)
De acordo com o governo, o plano estabelece um pacote de ações que redireciona toda a economia do estado,para um desenvolvimento inclusivo, sem deixar de recuperar e proteger o meio ambiente (Foto: Agência FreePik)

Entre as práticas previstas estão desde soluções de baixo carbono e de proteção a unidades de conservação; passando por estratégias para incentivar o hidrogênio verde e energia solar; o fortalecimento da economia circular; e criação de redes de reflorestamento.

Desenvolvimento econômico e social 

Ainda de acordo com o Governo do Estado, o plano além da valoração do meio ambiente, todas as ações estão atreladas ao desenvolvimento econômico e social. 

Serão implementadas ao longo dos próximos quatro anos, mas algumas já estão em curso por meio da Secretaria de Meio Ambiente, Sustentabilidade e de Fernando de Noronha (Semas) e pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDEC).

Desafio 

Ainda segundo a gestão estadual, o plano lança um desafio a todas as secretarias e órgãos do estado, com o objetivo de promover uma verdadeira mudança de paradigma, em que a proteção ao meio ambiente e a qualidade de vida das pessoas devem nortear os pilares da economia e das políticas públicas sociais de Pernambuco. 

O PerMeie foi desenhado sob as diretrizes da Economia ASG (Ambiental, Social e de Governança), que norteia, atualmente, todo o mercado mundial de capitais, o que equivale a mais de US$ 40 trilhões de dólares, ou 25 vezes o PIB do Brasil.


Confira os pilares do PerMeie:

- Indústrias sustentáveis; 

- Transição energética ágil, responsável e justa; 

- Ativos Ambientais e Mercado de Carbono; 

- Agricultura familiar resiliente; 

- Educação Técnica, Pesquisa, Desenvolvimento & Inovação; 

- Governo sustentável;

- Noronha Sustentável

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL