Diario de Pernambuco
Busca

OPORTUNIDADE

Em iniciativa pioneira no Nordeste, ESP/CE abre processo seletivo para Especialização em Epidemiologia de Campo

Ao todo, 35 discentes farão parte da iniciativa que contemplará profissionais dos estados do Ceará, do Piauí, da Paraíba e de Pernambuco

Publicado em: 03/04/2024 16:09

O EpiSUS Intermediário será dividido entre atividades didáticas presenciais ou a distância  (foto: Divulgação )
O EpiSUS Intermediário será dividido entre atividades didáticas presenciais ou a distância (foto: Divulgação )

As inscrições para o processo seletivo de alunos da nova turma do curso de Especialização em Epidemiologia Aplicada aos Serviços do Sistema Único de Saúde (EpiSUS Intermediário) seguem abertas até o meio-dia desta sexta-feira (05). A iniciativa foi lançada em caráter pioneiro no Nordeste, fruto de parceria da Escola de Saúde Pública do Ceará (ESP/CE) com o Ministério da Saúde (MS).

 

Ao todo, serão disponibilzadas 35 vagas. Podem se candidatar profissionais de nível superior da área da saúde atuantes no SUS, preferencialmente nos campos da Vigilância em Saúde, Vigilância Epidemiológica, Vigilância em Saúde Ambiental, Vigilância em Saúde do Trabalhador, Vigilância Sanitária, Análise de Situação de Saúde e Ações Laboratoriais e/ou nas áreas de Preparação e Resposta para Emergências ou outros eventos de saúde pública.

 

Os interessados devem se inscrever gratuitamente via plataforma on-line, através do link: https://www.esp.ce.gov.br/2024/03/22/edital-07-2024-especializacao-epidemiologia-aplicada-sus-episus-intermediario/

 

A Gerência de Pós-graduação em Saúde (Gepos) da autarquia vinculada à Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) ficará à frente da coordenação do curso. O objetivo do programa é alcançar, de 2024 a 2026, cerca de 90 profissionais dos nove estados nordestinos, sendo contemplados neste primeiro ano alunos do Ceará, do Piauí, da Paraíba e de Pernambuco. Os alunos selecionados, que não são de Fortaleza, terão as despesas com transporte, hospedagem e almoço custeadas pelo programa.

 

 

Ficha técnica

 

Composto por 564 horas, o EpiSUS Intermediário será dividido entre atividades didáticas presenciais, a serem realizadas na sede da ESP/CE, em Fortaleza, ou a distância, em ambiente virtual de aprendizagem. Os pós-graduandos também deverão, ao fim da formação, desenvolver um Trabalho de Conclusão de Curso (TCC).

 

 

Histórico

 

Desenvolvido no território brasilerio a partir dos anos 2000, o EpiSUS visa implantar um modelo piramidal de treinamentos epidemiológicos de campo no Brasil, a partir de três níveis: fundamental, intermediário e avançado. Por tratar-se de uma capacitação em serviço, cada um desses formatos preserva a valorização do conteúdo teórico nas práticas dos serviços do sistema público de saúde.

 

As primeiras turmas do programa disponibilizadas pela ESP/CE começaram a ser executadas em 2017, no formato fundamental. Desse período até 2022, o órgão formou mais de 262 discentes.

 

 

Serviço

 

Processo Seletivo

Curso de Especialização em Epidemiologia Aplicada aos Serviços do Sistema Único de Saúde (EpiSUS Intermediário)

Inscrições: de 27 de março até o meio-dia de 5 de abril de 2024


COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL