Diario de Pernambuco
Busca

ORIENTE MÉDIO

Ataque ao consulado do Irã em Damasco deixa mortos

O Ministério da Defesa da Síria condenou o que considera ter sido um foguete lançado por Israel

Publicado em: 01/04/2024 15:42 | Atualizado em: 01/04/2024 15:52

Ataque aéreo aconteceu nesta segunda-feira (1º) (foto: Maher Al Mounes/AFP)
Ataque aéreo aconteceu nesta segunda-feira (1º) (foto: Maher Al Mounes/AFP)

De acordo com a agência estatal síria SANA, um ataque aéreo destruiu por completo o edifício do consulado do Irã em Damasco e provocou danos nos prédios vizinhos. O ataque já foi confirmado pelo Ministério da Defesa da Síria, que condenou o que considera ter sido um foguete lançado por Israel. Já a defesa antiaérea da Síria acrescentou que interceptou fogo hostil apontado à região da capital.

 

As agências internacionais também confirmaram há pelo menos oito mortos, entre os quais, Mohammad Reza Zahedi, comandante do Corpo da Guarda Revolucionária do Irã. No entanto, o embaixador iraniano em Damasco, Hossein Akbari e a sua família não ficaram feridos no ataque israelita, comunicou a Nour, agência de notícias do Irã.

 

O ministro das Relações Exteriores do Irã, Hossein Amir-Abdollahian, afirmou que o ataque desta segunda-feira ao consulado iraniano em Damasco, na Síria, é uma "violação de todas as convenções internacionais". Hossein reiterou que Teerã responsabiliza Israel pelas consequências do ataque

 

O ataque acontece após outra série de ofensivas que desde sexta-feira fizeram dezenas de mortos em território sírio e que as autoridades de Damasco atribuem ao governo de Tel Aviv.

 

Desde o ataque do Hamas no dia 7 de outubro, Israel tem intensificado os ataques aéreos na Síria contra o grupo Hezbollah e o Corpo da Guarda Revolucionária do Irã, que apóiam o governo do presidente sírio Bashar al-Assad.

Tags: israel | síria | irã | damasco |

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.