Diario de Pernambuco
Busca

FREIRE GOMES

General: Bolsonaro mandou que acampamentos golpistas não fossem desmontados

As ordens de desmonte dos acampamentos golpistas foi suspensa por Freire Gomes a pedido de Jair Bolsonaro

Publicado em: 05/03/2024 22:16


Ex-presidente Jair Bolsonaro ordenou ao general Freire Gomes que acampamentos não fossem dissolvidos (foto: EVARISTO SA / AFP)
Ex-presidente Jair Bolsonaro ordenou ao general Freire Gomes que acampamentos não fossem dissolvidos (foto: EVARISTO SA / AFP)

O general Marco Antonio Freire Gomes, ex-comandante do Exército, declarou à Polícia Federal (PF) que o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) ordenou para que os acampamentos golpistas em frente ao Quartel-Geral de Brasília não fossem desmontados por militares.

 

O grupo exigia que, apesar da derrota nas urnas, Bolsonaro fosse mantido no cargo e que as Forças Armadas atuassem para romper com o Estado Democrático de Direito.

 

O militar, junto aos ex-comandantes da Marinha, Almir Garnier, e da Força Aérea Brasileira (FAB), Carlos de Almeida Baptista Junior, assinaram uma nota que chamava os acampamentos golpistas de "manifestações populares".

 

“São condenáveis tanto eventuais restrições a direitos, por parte de agentes públicos, quanto eventuais excessos cometidos em manifestações que possam restringir os direitos individuais e coletivos ou colocar em risco a segurança pública, bem como quaisquer ações, de indivíduos ou de entidades, públicas ou privadas, que alimentem a desarmonia na sociedade”, diz trecho da nota.

 

 

 

A ordem do Comando Militar do Planalto, sob a liderança do general Gustavo Henrique Dutra, para que os acampamentos fossem desmobilizados antes da posse do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) para evitar possíveis enfrentamentos, foi suspensa por Freire Gomes, que atendeu uma ordem de Bolsonaro, alegou à PF.

 

 

Confira as informações no Estado de Minas

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL