Diario de Pernambuco
Busca

FEMINICÍDIO

Policial Miliar é acusado de feminicício em Carpina

Publicado em: 31/07/2023 12:07 | Atualizado em: 31/07/2023 12:40

 ( Foto: Divulgação)
Foto: Divulgação
O Polícial Militar, Jáleson de Santana Freitas, 37 anos, suspeito de espancar a vítima, e companheira, Simeia da Silva Nunes, 33 anos, no último sábado (29), em Carpina, na Zona da Mata de Pernambuco. O Policial está sob mandado de prisão, a decisão é do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE). A agressão foi filmada dentro de um bar na região, na ação ele também baleou um mototaxista, que foi ferido por dois disparos com arma de fogo.

Após imagens das câmeras e relatos de testemunhas, Jaélison está sendo investigado por feminicídio. A justiça determinou ainda que o PM seja conduzido ao Centro de Reeducação da Polícia Mílitar (Creed). O mandado de prisão é considerado “potencial prejuízo para a conclusão do procedimento inquisitorial e perigo para a sociedade". As imagens de segurança mostram Simeia com o suspeito em um bar, por volta das 19:30, quando começaram a discutir. O Polícial empurra a mulher e ela cai, bate o rosto num batente de cimento e volta a ficar de pé, sai em direção à saída mas, de repente decide voltar para o bar e ao ver o companheiro levantar-se, segue novamente para  a saída do estabelecimento.

Simeia ao passar por perto de Jaléson, ele bate atrás da cabeça dela, e a segura pelos cabelos ao mesmo tempo dá uma rasteira, de forma que ela cai de costas no chão, ainda segundo as imagens de segurança, ele dá dois chutes no rosto dela e começa a bater a cabeça dela no chão. Foi quando a vítima saiu novamente do bar e chamou um mototáxi, enquanto o motociclista leva a mulher, a câmera de segurança mostra um carro, que estaria sendo conduzido pelo marido dela, ao passar pelos dois o motorista faz disparos com uma arma, os tiros atingem Siemeia e o motorista. Ela foi baleada no peito, o condutor da moto, foi ferido no braço e coxa esquerda. Simeia chegou no hospital já sem vida e o motorista está internado no Hospital Otávio de Freitas, o estado clínico dele é estável. 

Tags: feminicidio | carpina | pm | mata | mulher |

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL