Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Viver

HISTÓRIA

Laurentino Gomes realiza palestra sobre escravidão nesta quinta na Fundaj

Publicado em: 04/08/2022 15:36

Laurentino realiza palestra na Fundaj nesta quinta (Vilma Slomp/Divulgação)
Laurentino realiza palestra na Fundaj nesta quinta (Vilma Slomp/Divulgação)
Nesta quinta-feira, o escritor Laurentino Gomes, uma das principais referências na difusão da História do Brasil, vem ao Recife com a  palestra “A escravidão e o seu legado no Brasil de hoje, além de lançar o terceiro volume da série de livros ‘Escravidão’. O evento será realizado na Fundação Joaquim Nabuco, no Auditório Benício Dias/Cinema da Fundação, às 17h. O evento contará com um intenso debate relacionando o término do momento colonial do país com a continuidade da estrutura econômica e social escravocrata, tanto a partir do livro "1822", como do volume III de Escravidão, cujo subtítulo da Independência do Brasil à Lei Áurea aponta essa dedicação sobre a questão durante o século XIX. As vagas já foram preenchidas, mas a palestra contará com uma transmissão simultânea na sala Calouste Gulbenkian, no mesmo campus da Fundaj. 

O volume III de Escravidão foi lançado neste ano e conta com mais de 500 páginas que abarcam as últimas sete décadas do período escravista do Brasil, dando sequência ao trabalho de Laurentino Gomes que começou a chegar ao público em 2019 com o primeiro volume da série. Ele mergulha no cenário da independência, pelos primeiro e segundo reinado, chegando nos movimentos abolicionistas e na assinatura da Lei Áurea, em 1888, quando o Brasil se tornou o último país da América a extinguir a escravidão. 

Já 1822 volta às livrarias com uma edição especial,  no qual o autor se empenha em não só desmistificar todo o processo político que trouxe a Independência do Brasil, demonstrando como uma mistura de  sangue, sacrifício, acasos, improvisos e senso de oportunidades foram essenciais para os eventos marcantes daquele setembro histórico. A nova edição conta com ensaios dos historiadores Heloisa Murgel Starling, Jean Marcelo Carvalho França e Jurandir Malerba.

Laurentino Gomes vem da cidade de Maringá, no Paraná, formado em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná. Venceu sete vezes o prêmio Jabuti, o mais importante da literatura nacional. Além de Escravidão e 1822, é autor dos livros 1808, sobre a fuga da família real portuguesa para o Brasil, 1889, sobre a Proclamação da República e Caminhos do Peregrino, escrito em coautoria com Osmar Ludovico da Silva. Seus trabalhos se notabilizaram por unir uma densa pesquisa historiográfica com um texto leve e fluído, se tornando uma das principais referências na difusão da história do Brasil. 

Serviço;
Palestra “A escravidão e o seu legado no Brasil de hoje”, com Laurentino Gomes

Quinta-feira, 4 de agosto, às 17h.

Auditório Benício Dias/Cinema da Fundação, Campus Gilberto Freyre, em Casa Forte

Aberto ao público
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Manhã na Clube: entrevistas com dra. Silvia Fontan, oncologista, e a advogada Géssica Araújo
Taiwan inicia testes militares e acusa Pequim de preparar invasão
Incêndio em terceiro tanque de petróleo no oeste de Cuba
Manhã na Clube: entrevistas com dr. Heitor Medeiros e André Navarrete (Innovation Meeting)
Grupo Diario de Pernambuco