Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Viver

Silvério Pessoa faz show do novo disco no Teatro do Parque nesta quinta

Publicado em: 09/05/2022 10:36

O álbum Sangue de Amor reúne várias participações especiais e está disponível nas plataformas de streaming. (Divulgação)
O álbum Sangue de Amor reúne várias participações especiais e está disponível nas plataformas de streaming. (Divulgação)

O cantor e compositor Silvério Pessoa sobe ao palco nesta quinta-feira, às 19h30, para o show de lançamento do recente e potente disco, Sangue de amor. A apresentação será no Teatro do Parque, com ingressos à venda na bilheteria do local e no site Sympla, por R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia). O artista estará acompanhado dos produtores Yuri Queiroga e Ricardo Fraga, que assumem baixo e bateria, respectivamente, Thiago Rad na guitarra e Guilherme na guitarra e teclados.

O espetáculo marca uma nova fase artística de Silvério. “A guinada sonora deste trabalho foi um grande desafio, pois realmente se trata de um disco com toda a influência de um tempo que experienciei intensamente”, diz o artista, sobre o novo álbum, que transita pelo pop, rock, psicodelia setentista, balada, frevo e MPB.

Estilisticamente, o disco resgata sensações da época em que ele cresceu, nos anos 1960 e 1970, com o Festival de Woodstock e toda a psicodelia e desejo de liberdade do período, e completa um sonho antigo do compositor em reunir essa bagagem em disco.

O repertório reúne as canções e a narrativa do álbum, além de músicas da trajetória do artista, como Na boleia da Toyota, A tortura do tempo e A volta do mar, todas com alguma conexão com a temática do trabalho. O ponto de partida é com Caveira de cavalo, música com um tom mais denso, e o encerramento é com Ela e o amor, já com mais leveza.

“Estamos correndo contra uma corrente de lançamento de single e estamos lançando um conceito, o conceito do trauma, da esperança, do contraste do sangue de amor. Esse show propõe a reflexão sobre a busca de equilíbrio, a busca do yin yang, a busca do meio para que a gente seja feliz entre tristezas, alegrias, morte, vida, entre sangue, entre vinho”, afirma Silvério.

O disco Sangue de amor foi lançado em abril, com apoio do Funcultura e participações especiais como Fernanda Takai, Paulo Miklos, Marco Polo, Natascha Falcão, Aelis Lodo e Bruna Caram, além de parcerias com Filipe Catto, Tibério Azul, Clarice Freire, Ivan Santos e Bruno Souto.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Fechamento de escolas durante pandemia pode gerar prejuízos por décadas no Brasil
Manhã na Clube: entrevistas com Bruno Rodrigues e Débora Almeida
Manhã na Clube: entrevista com a dra. Tamara Cristina, endocrinologista
Refugiados ucranianos no Brasil: mais de 10 mil quilômetros longe de casa
Grupo Diario de Pernambuco