Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Viver

OBITUÁRIO

Morre o cineasta Breno Silveira, diretor de 'Dois Filhos de Francisco'

Publicado em: 14/05/2022 14:31 | Atualizado em: 15/05/2022 11:40

 (Foto: Divulgação)
Foto: Divulgação
O cineasta Breno Silveira morreu na manhã deste sábado (14/5) aos 58 anos, na zona rural de Vicência, Pernambuco, após sofrer um infarto fulminante durante o primeiro dia de filmagens do filme Dona Vitória, estrelado por Fernanda Montenegro. A informação foi confirmada pela produtora da qual o diretor era sócio, a Conspiração Filmes.

O diretor Breno Silveira começou a passar mal no set de filmagens do seu novo longa, apresentando taquicardia. Ele chegou a ser socorrido e levado ao hospital local, mas não resistiu. A equipe do filme está na região para rodar as cenas da infância da personagem-título.

Carreira de cineasta

Breno Silveira estreou como diretor de cinema com o longa Dois Filhos de Francisco, em 2005. O filme foi o mais assistido daquele ano com mais de 5 milhões de espectadores e chegou a obter o posto de maior sucesso do cinema nacional desde a retomada do setor, batendo Carandiru, de Hector Babenco.

Outras grandes produções de Breno foram Gonzaga: de pai para filho (2012) e Era uma vez (2008). Em 2021, o diretor estreou a série de ficção Dom, inspirada nas invasões de prédios feitas por uma gangue liderada pelo "bandido gato", no Rio de Janeiro. 

Silveira também trabalhou como diretor de fotografia do filme Carlota Joaquina, de Carla Camurati e fez alguns trabalhos como diretor de videoclipes, entre eles o premiado Segue o seco, de Marisa Monte.

O filme Dona Vitória, que Breno Silveira estava começando a filmar, é basedo na história da mulher que desmontou uma quadrilha carioca de traficantes e policiais a partir de filmagens feitas da janela do seu prédio, no bairro Copacabana, do Rio de Janeiro.

A história da personagem foi contada através de uma série de reportagens do jornal Extra, de autoria do jornalista Fábio Gusmão, ganhadora do Prêmio Esso de Jornalismo, que posteriormente também virou livro.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Manhã na Clube: entrevista com Maria Zilá Passo, advogada especialista em direito da saúde
Fechamento de escolas durante pandemia pode gerar prejuízos por décadas no Brasil
Cada vez mais brasileiros procuram a medicina tradicional chinesa
Manhã na Clube: entrevistas com Bruno Rodrigues e Débora Almeida
Grupo Diario de Pernambuco