Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Viver

GAMES

Anitta vai virar personagem no Free Fire em parceria com Garena

Publicado em: 05/05/2022 16:00

 (Foto: Divulgação/Garen)
Foto: Divulgação/Garen
Anitta vai se tornar uma personagem jogável do Free Fire, battle royale mobile. A Garena, publisher do jogo, anunciou, nesta quinta-feira (05), uma parceria com a cantora.

A dona do hit Envolver vai virar uma personagem dentro do jogo, chamada "A Patroa". A "skin" da funkeira tem cabelos coloridos, ao estilo da personagem Arlequina, joias e uma jaqueta em animal print.

A campanha também prevê um evento temático com direito a música exclusiva, desafios e surpresas.

De acordo com a Garena, a colaboração e todas suas novidades chegarão em breve, ainda sem data confirmada.

"O público ainda poderá jogar com a própria Anitta, que chega como a personagem A Patroa no universo de Free Fire", diz a empresa.

Todo processo criativo da colaboração, tanto da elaboração da personagem e da música-tema, tiveram a participação direta da Anitta, explica a Garena.

A compositora entra para o seleto grupo de outros nomes da música que já desenvolveram parcerias com o game, entre eles Alok, um dos primeiros brasileiros a ter uma "skin" dentro de um dos jogos mais baixados no mundo, no caso, o próprio Free Fire. A parceria foi tão bem sucedida que o DJ chegou a montar um time oficial para o battle royale.

Vale destacar, que essa não é a primeira vez que Anitta se envolve no mundo de games, a artista também foi personagem jogável do Modo Volta no Fifa 21. E ainda esteve na trilha sonora do game com a faixa em espanhol Me gusta.

TAGS: free fire | games | garena | anitta |
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Fechamento de escolas durante pandemia pode gerar prejuízos por décadas no Brasil
Manhã na Clube: entrevistas com Bruno Rodrigues e Débora Almeida
Manhã na Clube: entrevista com a dra. Tamara Cristina, endocrinologista
Refugiados ucranianos no Brasil: mais de 10 mil quilômetros longe de casa
Grupo Diario de Pernambuco