Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Viver

TEMPORADA DE PREMIOS

Globo de Ouro: Succession e Ataque dos Cães são destaques da premiação

Publicado em: 10/01/2022 18:02

Sucession, da HBO, foi a grande vencedora entre as séries (HBO/Divulgação)
Sucession, da HBO, foi a grande vencedora entre as séries (HBO/Divulgação)
Primeiro grande prêmio do cinema norte-americano em 2022, o Globo de Ouro revelou a lista de vencedores na noite deste domingo (9/1). Em cerimônia restrita apenas aos membros da Associação de Imprensa Estrangeira de Hollywood (HFPA na sigla em inglês), com apenas anúncios no site e nas redes sociais, o evento causou expectativa.

O principal prêmio da noite foi para o filme mais esperado, Ataque dos Cães, que também abocanhou direção e ator coadjuvante, fechou a noite com três prêmios e confirmou o favoritismo. Ele também conquistou o importante feito de ser o primeiro filme distribuído pela Netflix a ganhar uma categoria deste porte no Globo de Ouro. O longa agora lidera, sem sombra de dúvidas, a corrida para o Oscar.

Na categoria principal de cinema comédia ou musical, o vencedor foi o que todos esperavam. A regravação de Amor, sublime amor, dirigida pelo lendário Steven Spielberg, foi a grande vencedora da noite em comédia com 3 prêmios dos 4 disputados. Perdeu apenas Melhor direção, em que Spielberg foi superado por Jane Campion, de Ataque dos Cães.

A atuação em filmes foi uma mescla do peso da experiência com o frescor da juventude. As estreantes Rachel Zegler e Ariana DeBose venceram, respectivamente Melhor atriz em comédia ou musical e Melhor atriz coadjuvante, por Amor, sublime amor. O também novo no prêmio Kodi Smit-McPhee, levou Melhor ator coadjuvante, pelo papel em Ataque dos cães.

Entre os experientes, dois atores que buscavam o reconhecimento há tempo, Will Smith e Andrew Garfield, saíram vencedores. O primeiro conquistou o prêmio de Melhor ator em drama, por King Richard: criando campeãs e, o segundo, Melhor ator em comédia ou musical por Tick, tick… boom.

O prêmio de Melhor atriz de drama guardou uma grande surpresa. Uma das atuações mais antecipadas do ano, a de Kristen Stewart em Spencer, não levou o prêmio da noite. Nicole Kidman foi escolhida, pelo trabalho em Being the Ricardos, o que poderia ser considerado uma surpresa se não se tratasse de uma atriz 17 vezes indicada e 5 vezes vencedora do Globo de Ouro.

Nas séries, Succession abocanha três vitórias; MJ Rodriguez se torna primeira atriz trans a vencer premiação  
Nas séries, maioria das categorias correram como esperado, com Succession dominando com três vitórias, Melhor atriz coadjuvante, com Sarah Snook, Melhor ator em drama, prêmio de Jeremy Strong que desbancou o “próprio pai” Brian Cox, e Melhor série de drama. Jason Sudeikis ganhou Melhor ator em comédia, por Ted Lasso, enquanto Jean Smart venceu Melhor atriz por Hacks. Deu a lógica também minisséries quando Kate Winslet ganhou melhor atriz.

Porém duas grandes surpresas estavam guardadas. Hacks, desbancou Ted Lasso e levou o prêmio de Melhor série de comédia ou musical e, na mais diferente escolha de televisão da noite, The underground railroad foi escolhida a Melhor minissérie do ano superando favoritismo absoluto Mare of Easttown.

Contudo nada foi maior nas premiações de televisão quanto a vitória de MJ Rodriguez na categoria Melhor atriz de drama. A intérprete de Blanca Rodriguez em Pose, se tornou não apenas a primeira atriz trans a concorrer ao Globo de Ouro como também a primeira a ganhar a premiação. Esse foi o único prêmio do seriado de Billy Porter na noite.
 
Confira indicados e vencedores 

Melhor série de drama
Lupin
The Morning Show
Round 6
Pose
Succession - vencedor

Polêmicas precederam a edição 2022 da premiação
A premiação de 2022 já começou no ano anterior. Em 2021, foi revelado que a HFPA não tinha nenhum membro votante negro, também foram divulgadas acusações de que membros teriam aceitado presentes caros e que isso teria influenciado em indicações para o Globo de Ouro.

Por fim, sob ameaça de um boicote das grandes produtoras e serviços de streaming, a NBC, detentora dos direitos de transmissão, decidiu que não transmitiria o evento em 2022. A covid também teve papel para fechar o evento, já que com o aumento de casos recente nos Estados Unidos a Associação optou por não convidar celebridades nem fazer tapete vermelho.

O resultado foi uma grande mudança na Associação, com a inclusão de novos membros votantes, investigações sobre corrupção e contratação de consultorias de diversidade. A intenção era atualizar o prêmio e evitar novas polêmicas.

Melhor ator coadjuvante em série, minissérie ou filme para TV
Billy Crudup, por The Morning Show
Kieran Culkin, por Succession
Mark Duplass, por The Morning Show
Brett Goldstein, por Ted Lasso
Oh Yeong-su, por Round 6 - vencedor

Melhor atriz coadjuvante
Caitríona Balfe, por Belfast
Ariana DeBose, por Amor, Sublime Amor - vencedora
Kirsten Dunst, por Ataque dos Cães
Aunjanue Ellis, por King Richard: Criando Campeãs
Ruth Negga, por Identidade

Melhor ator em série dramática
Brian Cox, por Succession
Lee Jung-jae, por Round 6
Billy Porter, por Pose
Jeremy Strong, por Succession - vencedor
Omar Sy, por Lupin

Melhor animação
Encanto - vencedor
Flee
Luca
My Sunny Maad
Raya e o Último Dragão

Melhor filme em língua estrangeira
A Mão de Deus (Itália)
Madres Paralelas (Espanha)
A Hero (França, Irã)
Compartment No. 6 (Finlândia, Rússia, Alemanha)
Drive My Car (Japão) - vencedor


Melhor ator em série musical ou cômica
Anthony Anderson, por Black-ish
Nicholas Hoult, por The Great
Steve Martin, por Only Murders in the Building
Martin Short, por Only Murders in the Building
Jason Sudeikis, por Ted Lasso - vencedor

Melhor roteiro para cinema
Paul Thomas Anderson, por Licorice Pizza
Kenneth Branagh, por Belfast - vencedor
Jane Campion, por Ataque dos Cães
Adam McKay, por Não Olhe para Cima
Aaron Sorkin, por Being the Ricardos

Melhor atriz coadjuvante em série, minissérie ou filme para TV
Jennifer Coolidge, por White Lotus
Kaitlyn Dever, por Dopesick
Andie MacDowell, por Maid
Sarah Snook, por Succession - vencedora
Hannah Waddingham, por Ted Lasso

Melhor atriz em minissérie ou filme para TV
Jessica Chastain, por Scenes from a Marriage
Cynthia Ervio, por Genius: Aretha
Elizabeth Olsen, por WandaVision
Margaret Qualley, por Maid
Kate Winslet, por Mare of Easttown - vencedora

Melhor ator em minissérie ou filme para TV
Paul Bettany, por Wandavison
Oscar Isaac, por Scenes from a Marriage
Michael Keaton, por Dopesick - vencedor
Ewan McGregor, por Halston
Tahar Rahim, por O Paraíso e a Serpente

Melhor atriz em série musical ou cômica
Hannah Einbinder, por Hacks
Elle Fanning, por The Great
Issa Rae, por Insecure
Jean Smart, por Hacks - vencedora
Tracee Ellis Ross, por Black-ish

Melhor série musical ou cômica
The Great
Hacks - vencedora
Reservation Dogs
Ted Lasso
Only Murders in the Building

Melhor minissérie
Dopesick
Impeachment: American Crime Story
Maid
Mare of Easttown
The Underground Railroad - vencedora

Melhor ator – Musical ou Comédia
Leonardo DiCaprio, por Não Olhe para Cima
Peter Dinklage, por Cyrano
Andrew Garfield, por Tick, Tick … Boom! - vencedor
Cooper Hoffman, por Licorice Pizza
Anthony Ramos, por Em um Bairro de Nova York

Melhor canção
Be Alive, do filme King Richard – Beyoncé Knowles-Carter, Dixson
Dos Orugitas, do filme Encanto — Lin-Manuel Miranda
Down to Joy, do filme Belfast — Van Morrison
Here I Am (Singing My Way Home), do filme Respect — Jamie Alexander Hartman, Jennifer Hudson, Carole King
No Time to Die, do filme 007 – Sem Tempo para Morrer — Billie Eilish, Finneas O’Connell - vencedora

Melhor trilha sonora original
Crônica Francesa, Alexandre Desplat
Encanto, Germaine Franco
Ataque dos Cães, Jonny Greenwood
Madres Paralelas, Alberto Iglesias
Duna, Hans Zimmer - vencedor

Melhor ator – Drama
Mahershala Ali, por Swan Song
Will Smith, por King Richard: Criando Campeãs - vencedor
Benedict Cumberbatch, por Ataque dos Cães
Javier Bardem, por Being the Ricardos
Denzel Washington, por The Tragedy of Macbeth

Melhor ator coadjuvante
Ben Affleck, por The Tender Bar
Jamie Dornan, por Belfast
Ciarán Hinds, por Belfast
Troy Kotsur, por No Ritmo do Coração
Kodi Smit-McPhee, por Ataque dos Cães - vencedor

Melhor atriz em série dramática
Uzo Aduba, por In Treatment
Jennifer Aniston, por The Morning Show
Christine Baranski, por The Good Fight
Elisabeth Moss, por The Handmaid’s Tale
Mj Rodriguez, por Pose - vencedora

Melhor atriz – Musical ou comédia
Marion Cotillard, por Annette
Alana Haim, por Licorice Pizza
Jennifer Lawrence, por Não Olhe para Cima
Emma Stone, por Cruella
Rachel Zegler, por Amor, Sublime Amor - vencedora

Melhor filme cômico ou musical
Amor, Sublime Amor - vencedor
Não Olhe para Cima
Tick, Tick… Boom!
Cyrano
Licorice Pizza


Melhor filme dramático
Belfast
No Ritmo do Coração
Duna
King Richard: Criando Campeãs
Ataque dos Cães - vencedor

Melhor diretor
Kenneth Branagh, por Belfast
Jane Campion, por Ataque dos Cães - vencedora
Maggie Gyllenhaal, por The Lost Daughter
Steven Spielberg, por Amor, Sublime Amor
Denis Villeneuve, por Duna

Melhor atriz – Drama
Kristen Stewart, por Spencer
Jessica Chastain, por Os Olhos de Tammy Faye
Nicole Kidman, por Being the Ricardos - vencedora
Lady Gaga, por Casa Gucci
Olivia Colman, por The Lost Daughter

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
OMS: é possível encerrar fase aguda da pandemia este ano
Manhã na Clube: entrevistas com Carlos Veras (PT), Frederico Menezes e Marlon Malassa
Zuri: 11 anos, multiinstrumentista, compositor e prodígio da música faz campanha para comprar violão
Bolsonaro cancela visita à Guiana devido à morte de sua mãe
Grupo Diario de Pernambuco