Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Viver

LUTO

Morre o arquiteto e urbanista Paulo Mendes da Rocha

Publicado em: 23/05/2021 15:53

 (Foto: André Seiti/Divulgação)
Foto: André Seiti/Divulgação

O arquiteto e urbanista Paulo Mendes da Rocha morreu hoje (23) na capital paulista aos 92 anos de idade. A morte foi confirmado pelo Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil (CAU/BR).

Nascido em 25 de outubro de 1928, Paulo Mendes da Rocha foi um dos expoentes da chamada escola paulista, grupo de modernistas liderado por Vilanova Artigas e que produzia uma arquitetura marcada pela ênfase na técnica construtiva, pela adoção do concreto armado aparente e valorização da estrutura.

São de sua autoria projetos como o Museu Brasileiro da Escultura (MuBE), a reforma da Pinacoteca do Estado (em parceria com Eduardo Colonelli), o Sesc 24 de Maio, e o Museu da Língua Portuguesa, todos na capital paulista. Fora de São Paulo, projetou o novo Museu dos Coches, em Lisboa, e o Cais das Artes, ainda em construção, em Vitória, sua cidade natal.

Entre outras condecorações, Paulo Mendes da Rocha recebeu o Prêmio Mies van der Rohe de Arquitetura Latino-americana em 2000; o Prêmio Pritzker em 2006; o Leão de Ouro da Bienal de Veneza de 2016; o Imperiale Praemium no Japão, também em 2016; e a Medalha de Ouro Real de 2017 do Royal Institute of British Architects (RIBA). A obra de Paulo Mendes da Rocha pode ser conhecida na internet, em material produzido pelo CAU/BR.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube: entrevistas com Túlio Gadêlha, Beatriz Paulinelli e Guilherme Maia
Advogado de enfermeira afirma que Maradona foi morto
Manhã na Clube: entrevistas com Décio Padilha, Adriana Barros e Roseana Diniz
Para evitar contaminação por Covid, robôs oferecem água benta em Meca
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco