Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Viver

SUCESSO

Biel Jampa: o Nordeste pelo viés do humor

Publicado em: 09/10/2020 19:46 | Atualizado em: 09/10/2020 19:51

Com apenas 10 anos, o paraibano já soma um milhão de seguidores no Instagram, onde demonstra sua paixão pelo cuscuz nordestino, o %u201Camarelinho%u201D (Foto: Divulgação)
Com apenas 10 anos, o paraibano já soma um milhão de seguidores no Instagram, onde demonstra sua paixão pelo cuscuz nordestino, o %u201Camarelinho%u201D (Foto: Divulgação)

É preciso enxergar a vida através dos olhos de uma criança para perceber que no mundo ainda existe pureza e leveza. Foi com esse sentimento diante dos seus olhos, que os pais de Gabriel Vicente da Silva, resolveram expandir essa sensação a milhões de pessoas. Biel Jampa, como ficou conhecido, leva carisma e alegria para as redes sociais, onde conquista os corações com responsabilidade, humor, bordões inesquecíveis e muita diversão, através de vídeos para o Instagram e Youtube, onde lançou seu sucesso mais recente, o clipe da música “Cadê meu amarelinho?”, em referência a sua comida preferida: o cuscuz.

Nordestino raíz, natural de João Pessoa, na Paraíba, a paixão pela cultura e culinária nordestina atreladas a sua espontaneidade, levaram o Biel para as redes da fama depois de criar o famoso bordão “Malhou, comeu”. A história por trás desse sucesso é bem curiosa, uma vez que Biel observava que as pessoas praticavam exercícios para poder comer o que queriam, sem se culpar. A partir disso, vieram muitas ideias de vídeos e stories sobre vida fitness, que alavancaram a carreira do Biel. Aos quatro anos de idade, Biel já apresentava todos os sinais de que seria um fenômeno do humor, mas a estreia nas redes sociais começou aos seis anos, com vídeos de orações, mensagens motivacionais, cantando louvores em casa e na igreja que a família frequentava. A criatividade com objetos de casa e as reações inusitadas de Biel diante de situações do dia a dia também eram postados para entreter os amigos, familiares e, silenciosamente, revelava a verdadeira essência do futuro humorista.

Em agosto de 2019, Biel gravou um vídeo durante sua rotina de atividades físicas, onde ironizava as pessoas que malham, mas não fazem dieta. O viral da internet fez com que muitas pessoas, incluindo personalidades, se identificassem. “Eu não malho para ficar fitness” foi uma das frases que inspiraram remixes, influenciando na ideia de lançar músicas e clipes. Mais um passo para a carreira de Biel que o levaria a participações em programas nacionais, como o Programa Domingo Show, com Geraldo Luis, onde conheceu seus ídolos, mostrou seu talento e marcou a virada de chave na sua vida e na de sua família.

Entre vídeos de dança, memes e registros diários, o estrelato do humorista mirim foi notado pelo grupo Fit Dance e por humoristas como Carlinhos Maia, Tirullipa, Ni do Badoque, Rafael Cunha e Gordin Batata, com quem Biel tem registros no Instagram. Houveram participações em programas de tv, como o Programa da Eliana e Programa Manhã da Gente e repercussão na imprensa local, como Tv Cidade, Tv Jornal e Tv Tambaú.

Assim como muitas crianças, as brincadeiras indesejadas também fizeram parte da vida do Biel Jampa. O bullying é uma forma de violência que cresce ao longo do tempo e tem como característica o uso de aspectos físicos e sociais para desestruturar uma pessoa, afetando principalmente a fase infantil e a adolescência, podendo gerar transtornos no futuro. Para isso, Biel revela seu segredo especial para lidar com essas situações, “Releve, seja feliz pelo que você é e não tente ser como as pessoas querem que você seja. Ame-se!” sugere.

Apesar de tudo, Biel é uma criança como muitas outras. Brinca, pula, pratica esportes, estuda, pratica atividades, e aproveita sua fama com responsabilidade, influenciando os fãs mirins com dicas essenciais de conscientização e incentivando as crianças a ajudar os pais e realizar boas ações. Segundo o pai de Biel, os vídeos são idealizados pelo influenciador e gravados pelos pais, tudo é feito de forma espontânea, mantendo a personalidade que tanto cativa o público.

Seus pais, Alexandro e Adriana, são seus maiores incentivadores, acompanhando Biel em todas as viagens e compromissos. Adriana também participa dos vídeos como a “Zizinha”, o apelido vem de uma forma de carinho do Biel, que a chamava de mamãezinha e, ao longo do tempo, encontrou uma forma personalizada de chamar sua mãe, transformando em mais uma marca registrada nos seus vídeos, que começaram a render parcerias em apenas um ano nas plataformas digitais.

Biel Jampa é uma criança que cuida da saúde, mas não dispensa uma boa culinária regional. Desde cedo pratica esportes, como o Jiu Jitsu e ciclismo, além de manter uma alimentação equilibrada, sendo acompanhado por profissionais e frequentando a academia, local onde gravou o vídeo “malhou, comeu”. Mas, um de seus pontos fracos é demonstrado em vários stories, vídeos e agora em formato de música. O cuscuz nordestino, tradicional no Nordeste, se tornou tema de seu mais novo sucesso “Cadê meu amarelinho”, escrito por um fã especialmente para homenagear a paixão de Biel pelo prato.

O clipe “Cadê meu amarelinho?” foi lançado na última segunda-feira (05) no canal do Youtube do Biel Jampa e contou com a participação de Ronnye Rocha, famoso pelas músicas Papa Capim dos meus sonhos, Vida Fitness e Sucesso da Pandemia. Biel conta que a música é uma homenagem à sua cidade natal. “Fizemos esse vídeo do amarelinho na nossa capital João Pessoa, na Paraíba, para mostrar às pessoas que cuscuz é uma boa comida nordestina”, conta o humorista mirim.

O carisma de Biel inspirou também a idealização do primeiro Show do Biel, em dezembro de 2019. Um stand-up com muita diversão e convidados especiais, que resultou em ingressos esgotados. Hoje, com um milhão de seguidores no Instagram, os pais de Biel se sentem gratos por todo o carinho do público e pretendem continuar com os projetos. “É gratificante, por onde ele anda, é reconhecido pelos os seguidores.Sempre achávamos que ele ia chegar a um milhão, agora ele pretende fazer o curso de teatro e continuar com os shows de stand-Up, agora no Brasil todo.” relata Alexandro, pai de Biel.

Biel acaba de completar dez anos, mas sua carreira já é digna de grandes artistas. O mundo do humor é para poucos, mas ele já aprendeu a fórmula do sucesso, fabricando sonhos sem deixar que sua essência e liberdade sejam colocadas de lado e, acima de tudo, fazendo o que ele faz de melhor: ser criança.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Enem para todos com professor Fernandinho Beltrão #179 - Coração dos vertebrados
De 1 a 5 : Cuidados com a luz são essenciais na rotina do trabalho remoto
Candidatos têm características das mais distintas, mas estão longe de representar os grupos sociais
Resumo da semana: 5 anos do surto de microcefalia, Covid suspende aulas e nova pesquisa no Recife
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco