Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Viver

Música

Pernambucano Barro lança clipe com nova versão de música

Publicado em: 01/09/2020 11:41 | Atualizado em: 01/09/2020 11:44

Cantor pernambucao Barro (Foto: Hëlder Novaes/Divulgação)
Cantor pernambucao Barro (Foto: Hëlder Novaes/Divulgação)

O cantor pernambucano Barro lançou uma nova versão para a música Vai, que está em seu primeiro disco solo, Miocárdio (2016). O momento de distanciamento social pareceu propício, por se tratar de uma canção que fala das incertezas da vida. Na nova versão, Barro convidou os produtores, amigos e companheiros de banda Ricardo Braga e Guilherme Assis, além da cantora baiana Dani Vieira. O lançamento ganhou um clipe propositalmente gravado na vertical para ser visto especialmente em celulares. No vídeo, a artista visual Rafaela Amorim, a Braba, explora através de uma personagem feminina entre luzes e sombras o papel da mulher na sociedade.

A canção, é uma composição de Barro, que também interpreta e toca violão de 7 cordas e cavaquinho, Dani Vieira na voz e vocais, Guilherme Assis no tecado e Ricardo Fraga nas percussões (prato, xícara, lixa, garrafão, ralador e cuscuzeira). "Vai fala sobre se achar e se perder, se encontrar. De como tudo sempre está se fazendo, desfazendo e refazendo. Nosso momento presente é também sobre isso, essas incertezas pairando e ao mesmo tempo a gente tentando segurar as pontas e saber que a gente não se perde se consegue colocar os pés no chão e refazer a vida", explica Barro.

Inspirado no bolero e trazendo sons não convencionais para a faixa: como um garrafão de água, uma xícara e pires, uma tábua de madeira e lixa, ralador e fouet e o prato aqui tocado com um garfo e usado de forma percussiva. Barro queria imprimir um som mais caseiro.

"Eu sempre tive essa vontade de gravar sons não convencionais. A gente já explorava isso com os samplers, alguns sons ambientes, mas aí o contexto da quarentena veio e vi que seria uma oportunidade para tirar som com instrumentos caseiros, acessórios da casa e da cozinha que não são pensados para isso, mas que naquela batucada, naquele violão em casa, sempre rola. Quando vi o resultado eu gostei muito! Terminou sendo uma nova sonoridade para o meu trabalho, com instrumentos mais acústicos, mais leves. Tem uma certa flutuação do som quando se trabalha assim. Acho que vai me influenciar para novas coisas daqui pra frente", comenta o artista.

Devido a quarentena, o vídeo também teve que ser repensado e para fazê-lo os artistas gravaram takes completos de cada instrumento, que trouxeram o material audiovisual à vida com uma pré-produção bem pensada. E além de tudo, deu a oportunidade de Barro poder criar novamente com sua banda.

"Uma coisa bem legal foi o lance de poder 'tocar' com a minha banda e exercitar a criatividade nesse novo lugar. Ricardo Fraga e Guilherme Assis são produtores musicais, então isso somou muito, porque mesmo em casa, com instrumentos que não são exatamente instrumentos, os caras têm a manha de tirar um som muito bom para a captação. A presença de Dani Vieira, cantora que já curtia muito e admirava pelo som e pelo material audiovisual que ela vem fazendo acrescentou mais camadas à canção. Na parte sonora vale o destaque para Guilherme que além de tocar o tecladinho que aparece no vídeo, também mixou tudo e fez uma gravação caseira soar como um disco. Uma música que poderia estar de fato nos meus álbuns", finaliza Barro.

Assista ao clipe:

Ver essa foto no Instagram

%u2022 Vai numa versão 40tena meio bolerosa com a part. da mana queridíssima @daniviiieira%u2763%uFE0F. A saudade dos palcos e de tocar com @ricardofraga.eu e @guilhermesassis estava grande então aproveitamos as limitações do isolamento para tocar de um jeito diferente usando objetos de casa, instrumentos mais acústicos %uD83E%uDD63. O processo foi massa e já abriu novos portais de criação confere aí! Um salve pro @williampaiva que fez edição lindeza aqui%u2728%uD83C%uDFAC. Composição: Barro Dani Vieira: Voz e Vocais Barro: Voz, violão de 7 cordas e cavaquinho. Guilherme Assis: Casiotone Ricardo Fraga: Percussão (prato, xícara, lixa, garrafão, ralador e cuscuzeira) Mixagem: %uD83E%uDDE9 Guilherme Assis Vídeo Edição e Montagem: William Paiva

Uma publicação compartilhada por %uFF22%uFF21%uFF32%uFF32%uFF2F (@barro) em

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
De 1 a 5: Dicas de empreendedorismo
Rhaldney Santos entrevista advogada Rafaella Simonetti do Valle
Enem para todos com professor Fernandinho Beltrão
Brasil é vítima de desinformação sobre meio ambiente, diz Bolsonaro
Galeria de Fotos
Grupo Diario de Pernambuco