OPERAÇÃO

Quadrilha especializada em roubo de cargas é desarticulada em operação conjunta da Polícia Civil e PRF, no Grande Recife

Ao todo, foram presos quatro homens e uma mulher. Os suspeitos foram abordados pelos agentes em um galpão, no município de Jaboatão dos Guararapes. Um dos suspeitos acabou morto em confronto com os agentes

Publicado em: 09/07/2024 21:34 | Atualizado em: 09/07/2024 21:44

 (Foto: Divulgação/PCPE)
Foto: Divulgação/PCPE
  
Uma operação da Polícia Civil pernambucana em conjunto com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) desarticulou uma quadrilha especializada na prática de roubos de cargas em rodovias federais do Estado. 

Ao todo, foram presos quatro homens e uma mulher, que não tiveram as identidades reveladas. Os suspeitos foram abordados pelos agentes em um galpão localizado em Comportas, no município de Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife, logo após os criminosos atuaram em mais uma investida criminosa. 

E, durante o curso da ação policial, um dos suspeitos investigados trocou tiros com os agentes e acabou morrendo após ser baleado durante o tiroteio. 

As informações foram repassadas na noite desta terça (9), pela Polícia Civil.

Segundo a polícia, a quadrilha era responsável por praticar crimes de associação criminosa armada, tentativa de homicídio contra agentes de segurança pública, porte ilegal de arma de fogo e roubo circunstanciado com restrição de liberdade da vítima (sequestro). 

“O objetivo da ação foi desarticular uma associação criminosa que atuava no roubo de carga, principalmente,  de carnes, aves e embutidos. Foi identificado que o grupo utilizava um veículo para realizar as abordagens a motoristas de caminhões na BR-232, nas proximidades dos municípios de Pombos ou Moreno”, explicou a polícia por meio de nota. 

De acordo com a Polícia Civil, os suspeitos restringiam a liberdade dos motoristas, fazendo-os reféns até a total subtração da carga para um galpão e, em seguida, liberavam as vítimas. 

“Foram apreendidos um caminhão com câmara fria junto com várias caixa de queijos e derivados; três veículos, uma pistola da marca Taurus cal. .40; um revólver calibre 38; quatro jammer (bloqueadores de sinais GPS)”, acrescentou a polícia em nota. 

Após a prisão, os suspeitos foram encaminhados para a sede da Delegacia de Polícia de Roubos e Furtos de Cargas (DPRFC), em Afogados, na Zona Norte do Recife, em que ficaram à disposição da Justiça. 

Até a última atualização desta matéria, não havia informações sobre qual unidade prisional do Estado os suspeitos foram encaminhados.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL