Diario de Pernambuco
Busca

Educação

Sertânia vai receber campus da universidade federal

Publicado em: 10/06/2024 17:05 | Atualizado em: 10/06/2024 19:25

 O anúncio faz parte de um pacote, que terá um aporte de R$ 5,5 bilhões em investimentos para universidades (Foto: Divulgação/Prefeitura de Sertânia)
O anúncio faz parte de um pacote, que terá um aporte de R$ 5,5 bilhões em investimentos para universidades (Foto: Divulgação/Prefeitura de Sertânia)
O município de Sertânia, no Sertão de Pernambuco, vai receber um campus de uma universidade federal. O anúncio foi feito nesta segunda-feira (10) pelo Governo Federal, através do Novo PAC, ao divulgar novos campi nas cinco regiões do Brasil.

A iniciativa visa levar universidades federais a localidades historicamente desassistidas com opções de graduação. O anúncio faz parte de um pacote, que terá um aporte de R$ 5,5 bilhões em investimentos para universidades.  

“Esse era um sonho nosso muito antigo. O presidente Lula demonstrou mais uma vez sua sensibilidade em oferecer o melhor para o povo nordestino, em especial, do interior do Estado. A educação é um caminho para novos horizontes. E Sertânia foi o único município pernambucano a ser contemplado com um novo campus universitário. Só temos a agradecer ao Governo Federal, nas pessoas do Presidente Lula, do Ministro da Educação e do reitor da UFPE, Alfredo Gomes, por terem presenteado a nossa cidade. E parabéns ao povo de Sertânia”, comemorou o prefeito de Sertânia, Angelo Ferreira.

De acordo com o Governo Federal, os campi oferecerão seis cursos, cada, beneficiando 2,8 mil estudantes e serão geradas ainda 388 vagas a serem preenchidas por servidores na unidade. 
  
O novo investimento de R$ 3,77 bilhões anunciado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) será utilizado para expansão e a consolidação das universidades federais e dos hospitais universitários.
 
Os investimentos são para a instalação dos novos campi e para a retomada de obras e consolidação dos projetos de estruturação da rede federal. Com o Novo PAC voltado às universidades, o Governo Federal oferta mais assistência estudantil com a construção de novos refeitórios, moradias, centros de referência e de convivência e garante R$ 60 milhões para implantação de cada novo campus. Deste valor, R$ 50 milhões destinados às obras  e R$ 10 milhões para aquisição de equipamentos.

As localidades foram definidas tendo como finalidade a ampliação da oferta de vagas em regiões com baixa cobertura de matrículas públicas na educação superior. As universidades serão instaladas em São Gabriel da Cachoeira (AM), Rurópolis (PA), Cidade Ocidental (GO), Caxias do Sul (RS), Ipatinga (MG), Jequié (BA), Baturité (CE), São José do Rio Preto (SP), Sertânia (PE) e Estância (SE).

Atualmente, Pernambuco possui três campi da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE): Recife, Vitória de Santo Antão, na Zona da Mata, e Caruaru, no Agreste.

No Campus Recife, são mais de 40 prédios, entre eles a Reitoria, nove Centros Acadêmicos, oito Órgãos Suplementares, Centro de Convenções, Concha Acústica, Clube Universitário, Creche, Casas dos Estudantes Masculina e Feminina e o Restaurante Universitário.
Tags: ufpe | sertância | educação |
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL