SAÚDE MENTAL

Prefeitura do Recife inaugura primeiro Centro de Convivência em Saúde Mental

Com capacidade para 60 pessoas por dia, o Centro tem como objetivo a reabilitação psicossocial

Publicado em: 18/06/2024 16:37

 (Fotos: Rodolfo Loepert/Prefeitura do Recife)
Fotos: Rodolfo Loepert/Prefeitura do Recife
A Prefeitura do Recife inaugurou, nesta terça-feira (18), o Centro de Convivência Recomeço Fátima Caio, na Caxangá, Zona Oeste do Recife. Com foco na reabilitação psicossocial para recifenses, a partir dos 18 anos de idade, que estejam em sofrimento psíquico, por meio de oficinas artísticas e sem internação, este é o primeiro centro de convivência gratuito voltado para o apoio em saúde mental em Pernambuco. 
 
O objetivo é possibilitar o retorno ao cotidiano e diminuir o estigma associado à dependência química e transtornos psíquicos. 
 
Com capacidade para atender 60 pessoas por dia, tanto por demanda espontânea quanto encaminhadas por algum Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) do município, o Centro de Convivência funcionará de segunda a sexta, das 7h às 19h. E terá 30 trabalhadores, como profissionais de educação física, psicólogos, pedagogos, oficineiros e profissionais de apoio. 
 
“Sabemos da importância de construir um espaço que ofereça um atendimento acolhedor, de qualidade e que também sirva como um tipo de reabilitação para quebrar estigmas sociais, oferecendo atividades que mexem com a ludicidade, com a arte, a culinária e diversas outras áreas.
Muitos pensavam que isso não seria possível em um equipamento público do SUS, mas é possível e agora ele faz parte da Rede de Saúde do Recife”, ressaltou João Campos, prefeito do Recife. 
 
O nome do centro homenageia Maria de Fatima Sotero Caio, mais conhecida como Fátima Caio. Psicóloga e artista, faleceu no dia 16 de março de 2023, aos 65 anos. Servidora da Prefeitura do Recife, trabalhou em unidades da rede de atenção psicossocial da cidade, além da policlínica Lessa de Andrade e da Unidade de Cuidados Integrais Guilherme Abath. 
 
Em toda sua carreira, aliou psicologia e as mais variadas formas de arte, como pintura, teatro e construção de bonecos.

MAIS NOTÍCIAS DO CANAL