Diario de Pernambuco
Busca

Segurança

Pernambuco é o estado com mais mandados de prisão cumpridos pela PF entre abril e janeiro de 2024

Em segundo lugar está o Rio Grande do Sul com 493 prisões efetuadas

Publicado em: 10/06/2024 21:15

Em 2024 foram realizadas 72 prisões a mais nos primeiros quatro meses do ano (Foto: Reprodução/Whatsapp)
Em 2024 foram realizadas 72 prisões a mais nos primeiros quatro meses do ano (Foto: Reprodução/Whatsapp)
A Polícia Federal atingiu novamente a liderança nacional no número de mandados de prisão cumpridos em todo o Brasil. Pernambuco foi o estado onde a PF mais cumpriu mandados de prisão entre os meses de janeiro e abril de 2024.

Segundo a PF, foram cumpridos 667 mandados de prisão neste período devido a um trabalho conjunto com o Núcleo de Fiscalização de Tráfego Internacional (NFTI) e com os grupos de capturas de Caruaru e Salgueiro e policiais militares. Os mandados eram dirigidos à execução de prisões em aberto. 
 
No ano de 2023 foram efetuadas 595 prisões entre janeiro e maio. Em 2024 foram realizadas 72 prisões a mais nos primeiros quatro meses do ano. 

Dentre essas prisões, vários abusadores de crianças foram detidos. De acordo com a Polícia Federal, 27 pedófilos foram capturados e presos e vários outros estão sob a mira do grupo de capturas. 

A última prisão foi feita no dia 6 de junho por volta das 18h na cidade de Igaratá, em São Paulo. O suspeito era um homem de 42 anos, contabilista, natural do Recife e residente nos bairros da Várzea e Macaxeira. Ele foi preso quando estava saindo do trabalho em São Paulo. 

A prisão foi realizada em parceria com a Delegacia de Repressão a Crimes Contra o Patrimônio da Polícia Federal de São Paulo-DELEPAT-PF-SP e do Grupo Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar-ROTA-PM/SP.

O preso responde a três processos por estupro de vulnerável, todos ocorridos em Pernambuco. Após a prisão ele foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Igaratá, onde ficará à disposição da 2ª Vara de Crimes Contra a Criança e Adolescente-PE.
 

MAIS NOTÍCIAS DO CANAL