Diario de Pernambuco
Busca

Violência

Em cinco meses, Estado tem média diária de 32 roubos ou furtos de carros e 1 um assalto a ônibus

É o que apontam as estatísticas oficiais postadas no site da Secretaria de Defesa Social (SDS), divulgadas este mês

Publicado em: 11/06/2024 10:51 | Atualizado em: 11/06/2024 15:38

Carro roubado foi levado para o pátio de delegacia  (Foto: Arquivo)
Carro roubado foi levado para o pátio de delegacia (Foto: Arquivo)
Entre janeiro e maio de 2024, Pernambuco registrou uma média diária de 32 veículos roubados ou furtados.
 
Também notificou uma média de um roubo a ônibus por dia
É o que apontam as estatísticas oficiais postadas no site da Secretaria de Defesa Social (SDS), divulgadas este mês.
 
Elas fazem  parte da série histórica de dados de Crimes Violentos Contra o Patrimônio (CVP) contabilizados nos primeiros 152 dias do ano
 
Números
 
Nos primeiros cinco do ano, foram quase 5 mil roubos e furtos de veículos e quase 200 investidas criminosas ao sistema de transporte público de passageiros. 
 
Segundo a pasta, nesse período analisado,  4.958 veículos foram parar nas mãos de bandidos. 
 
Isso equivale a uma média de 991 casos por mês e 32 por dia no Estado. 
 
Em maio, segundo a SDS, 975 ocorrências de roubos e furtos de automóveis foram registradas.
 
Já no sistema de transporte público de passageiros pernambucano contabilizou 45 casos no mês passado. 
 
Em relação aos casos de CVP (roubos e furtos), o Estado já soma em nos cinco primeiros meses deste ano um total de 18.792 ocorrências. 
 
Isso equivale a uma média de 3.794 casos por mês e 124 por dia. 
O mês de maio registrou um total de 3.590 ocorrências.
 
Regiões
 
Em maio, o interior do Estado foi a primeira região no ranking de ocorrências de roubos e furtos de automóveis no Estado. 

Segundo a SDS, 408 ocorrências foram registradas no mês passado no interior.
 
Depois, vem a capital pernambucana com 292 ocorrências.
Em último lugar, aparece a Região Metropolitana, com 275 casos. 

Nos crimes contra ônibus, a capital pernambucana registrou 30 casos.
 
A Região Metropolitana teve 15 ocorrências. 
 
O Interior do Estado não registrou ocorrências no mês de maio.   

Sobre os CVPs, a capital pernambucana liderou o maior quantitativo de casos com 1.442 ocorrências.
 
A Região Metropolitana ficou com 1.079 e do Interior do Estado, com 1.069 ocorrências.

MAIS NOTÍCIAS DO CANAL