Diario de Pernambuco
Busca

Rio Grande do Sul

Agentes civis pernambucanos voltam de missão no RS nesta sexta-feira (7)

Os agentes foram para o Rio Grande do Sul no dia 10 de maio, junto com bombeiros

Publicado em: 05/06/2024 21:50

Dados divulgados nesta quarta-feira (5) pelo MapBiomas mostram que os temporais e enchentes atingiram 298 dos 497 municípios gaúchos (Foto: Divulgação/SDS-PE)
Dados divulgados nesta quarta-feira (5) pelo MapBiomas mostram que os temporais e enchentes atingiram 298 dos 497 municípios gaúchos (Foto: Divulgação/SDS-PE)
Os quatro agentes da Defesa Civil de Pernambuco enviados em maio para atuar no Rio Grande do Sul vão retornar nesta sexta-feira (7) após 29 dias de missão. A equipe ficou dividida nas cidades de Porto Alegre e Passo Fundo, de acordo com a experiência de cada um, e as necessidades da região.

Os dois agentes que ficaram no município de Passo Fundo atuaram no escritório de Ajuda Humanitária, Restabelecimento e Recuperação. Eles prestaram  serviço como analista de processos do S2ID orientando como deve ser feito o preenchimento do sistema. 

Já na cidade de Porto Alegre a função dos agentes civis foi auxiliar no controle logístico no Centro de Distribuição de Ajuda Humanitária, no Galpão do Centro de Distribuição.

O gerente de Monitoramento e Alerta da Defesa Civil do Estado, capitão BM, Marco Filipo, relata a importância de ajudar a população do Rio Grande do Sul após o desastre. 

“Em nome de toda a equipe, tenho a dizer que o importante da missão foi ajudar o próximo, onde cada um cumpriu seu papel, juntamente com inúmeros voluntários, procurando minimizar o sofrimento das pessoas afetadas. No Centro de Distribuição Central de Porto Alegre apoiamos com experiências vividas em desastres aqui em Pernambuco, desde organização, orientação e apoio às equipes voluntárias, como também na parte técnica de controle de estoque e liberação de carga. Temos a certeza de que contribuímos de alguma forma para esse que foi o maior desastre sofrido pelo Estado do Rio Grande do Sul e com certeza do Brasil. Percebemos tanto na ida para o RS, como no retorno, nas paradas dos diversos Estados a receptividade, as palavras de apoio, e gratidão pelo objetivo da missão”, relatou.

A recepção da equipe será feita na Secretaria Executiva de Proteção e Defesa Civil do Estado, nesta sexta-feira, pela manhã. O horário só será confirmado nesta quinta-feira (6).

73 cidades tiveram pelo menos 10% da área atingida pelas enchentes

Dados divulgados nesta quarta-feira (5) pelo MapBiomas mostram que os temporais e enchentes atingiram 298 dos 497 municípios gaúchos, em maior ou menor grau. Isso representa 60% das cidades do estado. Dessas, 73 tiveram ao menos 10% da área afetada por deslizamentos, enxurradas ou inundações.

A pesquisa envolve universidades, organizações não governamentais (ONGs) e empresas de tecnologia, e faz análise de dados por meio de imagens de satélites.

De acordo com o estudo, enxurradas, inundações e alagamentos atingiram 15.778 quilômetros quadrados (km²), o que significa 5,6% do território gaúcho (281.748 km²).

O boletim da Defesa Civil do Rio Grande do Sul divulgado na manhã desta quarta informou que o estado tem 572.781 pessoas desalojadas e mais de 30,4 mil em abrigos. São consideradas desaparecidas 41 pessoas e 172 morreram em decorrência das enchentes.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL