Violência

Irmãos são assassinados a tiros dentro de casa no Grande Recife

Rapaz de 17 anos e e mulher e21 anos foram mortos no Cabo de Santo Agostinho; a mãe deles escapou

Publicado em: 31/05/2024 07:21 | Atualizado em: 31/05/2024 08:06

Samara foi assassinada em casa  (Foto: Rede Social )
Samara foi assassinada em casa (Foto: Rede Social )
Dois irmãos foram assassinados dentro de casa no Cabo de Santo Agostinho, no Grande Recife. 
 
Samara Oliveira, de 21 anos, e Weslley Victos da Silva, de 17 anos, levaram vários tiros.
 
O crime aconteceu no início da noite de quinta (30), no Alto da Bela Vista, perto da sede da Companhia Pernambucana de Abastecimento (Compesa). 
 
Segundo informações repassadas para a polícia, ao menos três homens invadiram a residência e começaram a atirar.
 
A mãe dos jovens estava na casa, mas não foi atingida. 
 
Weslley Victos levou tiros  (Foto: Rede Social)
Weslley Victos levou tiros (Foto: Rede Social)
Há informações de que Samara tinha envolvimento com usuários de drogas na região. 
 
Weslley teria passagem anterior pelo sistema de ressocialização de infratores. 
 
Autoria e motivações desse crime são desconhecidas.
 
Os corpos deles foram levados para o Instituto de Medicinal legal (IML), em santo Amaro, na área central do  Recife.
 
"Após a realização das perícias criminal e papiloscópica, os corpos foram encaminhados para o IML e um inquérito policial foi instaurado para apurar as circunstâncias e identificar a autoria", informou a polícia, por meio de nota. 


Outro duplo
 
Na quinta (30),  Polícia Civil instaurou inquérito para investigar o assassinato de dois homens, na Zona Norte do Recife. 

O duplo homicídio aconteceu na quarta-feira (29). 

A ocorrência foi registrada por uma equipe da Força-tarefa de Homicídios da Capital, vinculada ao Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP). 

As duas vítimas foram executadas por diversos disparos de arma de fogo por homens desconhecidos. 

Os corpos foram encontrados em via pública, na Comunidade do Alto do Treze, no bairro de Nova Descoberta. 

Embora a polícia não confirme, informações extraoficiais dão conta que as vítimas foram identificadas como Rodrigo Izídio da Silva, de 35 anos e Gleydson Pereira Lima, de 22.  

Após passar por perícia do Instituto de Criminalística (IC), os corpos das vítimas foram encaminhados para o Instituto de Medicina Legal (IML), no bairro de Santo Amaro, na área Central do Recife.

Até a última atualização desta matéria, não havia informações sobre prisão e identificação dos suspeitos de cometer o duplo homicídio. 
 
Estatísticas


Pernambuco registrou a marca de mais de 1,3 mil assassinatos nos primeiros meses deste ano. 
 
Nos primeiros quatro meses de 2024, o Estado contabilizou 1.312 casos de Mortes Violentas Intencionais (MVIs). 
 
É o que apontam as estatísticas de assassinatos divulgados, na segunda-feira (6), pela Secretaria de Defesa Social (SDS), em seu portal oficial na internet.
 
A pasta também contabilizou os casos de homicídios compreendidos nos 30 dias de abril deste ano.
 
Segundo a SDS, o mês passado terminou com o registro de 324 assassinatos.

Isso equivale a um aumento de 2,2% no número de casos se comparado com o mesmo período de 2023, quando foram contabilizadas 317 ocorrências. 
 
Com a soma dos quatro meses deste ano, o total de assassinatos foi de 1.312 casos de homicídios em Pernambuco. 
 
Houve um aumento de 7,2% se comparado com o mesmo período de 2023, quando janeiro, fevereiro, março e abril somaram 1.223 mortes violentas. 

Foram 89 homicídios cometidos a mais no quadrimestre de 2024, na  comparação com o mesmo período do ano passado.  
 
Com a soma dos quatro primeiros meses deste ano, Pernambuco tem uma média diária de 10.8 assassinatos diários em 2024. 

Balanço por região


No mesmo boletim mensal divulgado na segunda (6), a SDS apontou que o interior do Estado foi o primeiro no ranking das regiões que mais registraram casos de homicídios em fevereiro. 
 
Segundo a pasta, foram contabilizadas 147 ocorrências no mês passado. 

A Região Metropolitana do Recife (RMR) ficou na segunda posição no ranking de casos de MVI em março deste ano com o total de 117 casos. 
 
 Já a capital pernambucana ficou na última posição das regiões que mais registraram ocorrências de MVI no mês passado. 
 
Segundo a SDS, Recife fechou o mês de março com 60 assassinatos ocorridos no Estado. 
 
Na soma dos quatro primeiros meses deste ano, a região interiorana do Estado contabiliza 621 mortes, seguido da RMR com 411 casos e o Recife contabilizando 280 ocorrências.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL