Diario de Pernambuco
Busca

SOLIDARIEDADE

Corrente do bem: enquanto as chuvas não cessam, as doações para o Rio Grande do Sul continuam

Pernambucanos continuam empenhados em enviar ajuda ao estado gaúcho de todas as formas possíveis

Publicado em: 17/05/2024 12:48 | Atualizado em: 20/05/2024 09:51

Pernambuco enviou um hospital de campanha para auxiliar as vítimas das enchentes do RS, na última quinta-feira (16). (Foto: Marina Torres/DP)
Pernambuco enviou um hospital de campanha para auxiliar as vítimas das enchentes do RS, na última quinta-feira (16). (Foto: Marina Torres/DP)

 
A situação no Rio Grande do Sul corre risco de piora. O estado, que sofre com fortes chuvas e inundações desde o fim do último mês de abril, está ameaçado por uma nova frente fria que deve aumentar as áreas de instabilidade no território, nesta sexta-feira (17). De acordo com a Climatempo, as chuvas devem se intensificar principalmente no norte do estado.

Desde a evolução crítica da situação passada pelas vítimas gaúchas, os pernambucanos continuam engajados em enviar auxílio de todas as formas possíveis. Confira as principais ações dessa corrente solidária pernambucana movida à empatia e compaixão:

FAB

Um avião da Força Aérea Brasileira (FAB) levou equipamentos para a montagem de um hospital de campanha do Exército Brasileiro, e donativos nesta quinta (16). O destino foi a cidade de Canoas, perto de Porto Alegre.
 
As Forças Armadas têm trabalhado ativamente na coordenação do envio das doações dos pernambucanos para o RS. (Foto: Marina Torres/DP)
As Forças Armadas têm trabalhado ativamente na coordenação do envio das doações dos pernambucanos para o RS. (Foto: Marina Torres/DP)
 

Educação 

A Escola Eleva, em parceria com a Transportadora AGM Logística, arrecadaram dois caminhões munidos de água, roupas, medicamentos, e materiais de higiene e limpeza. O Grupo Inbetta irá fazer o transporte das arrecadações para o Rio Grande do Sul.
 
Alunos da Escola Eleva participaram ativamente do carregamento dos caminhões que levaram os donativos.  (Foto: Divulgação)
Alunos da Escola Eleva participaram ativamente do carregamento dos caminhões que levaram os donativos. (Foto: Divulgação)
 
Itens para as famílias afetadas também podem ser levados às unidades do Colégio CBV em Boa Viagem e na Jaqueira até o dia 20 de maio, das 8h às 17h. Em parceria com o Instituto Vizinhos Solidários, o colégio está solicitando a doação de água, alimentos não perecíveis e itens de higiene pessoal.

Outros pontos de arrecadação
 
As agências dos Correios suspenderam o recebimento de roupas, devido ao grande de volume de arrecadações. Água, alimentos não perecíveis e materiais de limpeza são prioridades neste momento, e ainda estão sendo recebidos. Ração para pets também é uma demanda importante nas arrecadações. 
 
A arrecadação no Aeroporto Gilberto Freyre, no Recife, viralizou nas redes sociais pelas quantidades de donativos. O recebimento ainda está aberto, estão sendo recolhidos itens de higiene, água, e roupas. 
 
A Construtora Baptista Leal está promovendo até o dia 24/05 arrecadações para as famílias vítimas da tragédia do Rio Grande do Sul. Os pontos de coleta são: Rua Arnaldo Bastos, 37, no bairro da Madalena; Like Clube, Rua Guabiraba, 392, na Imbiribeira; e Exclusive José Rufino - Av Dr. José Rufino, 2380, no Barro. Os horários são de segunda a sexta, das 8h às 17h (nas obras até às 16h).

O Grupo Parvi, maior grupo automotivo do Norte e Nordeste, está recolhendo donativos em todas as suas 100 concessionárias, distribuídas em 14 estados do país, através da campanha S.O.S. Rio Grande do Sul. Em Pernambuco, a concentração de arrecadações está sendo na Fiori Jeep Afogados.
 
O Grupo Parvi está recolhendo doações na na Fiori Jeep Afogados, sem previsão para parar as arrecadações. (Foto: Divulgação)
O Grupo Parvi está recolhendo doações na na Fiori Jeep Afogados, sem previsão para parar as arrecadações. (Foto: Divulgação)
 

Os quartéis do Comando Geral da PMPE, no Derby, do Comando Geral do Corpo de Bombeiros, na Av. João de Barros, e quartéis do CBMPE e da PM, estão com campanha de arrecadação em suas respectivas sedes, e sem previsão para o encerramento. As entregas podem ser feitas diariamente, das 8h às 17h. Os itens de doação são água em garrafa de até 1,5 litro, cesta básica já montada, kit de higiene pessoal, roupa de cama e toalhas.

A ONG Vizinhos Solidários (Rua Souto Filho, 118 - Pina) está arrecadando água, alimentos não perecíveis e material de higiene pessoal.

As Sede do TRT-6 (Cais do Apolo, 739 - Bairro do Recife) também é local de arrecadação de água, cobertores, Alimentos não perecíveis, material de higiene pessoal.

Os Shoppings Recife, RioMar, Plaza, Tacaruna, Boa Vista e Patteo Olinda estão recebendo água, alimentos não perecíveis, materiais de higiene pessoal e limpeza para envio ao RS.

O Parque Dona Lindu e Parque da Jaqueira estão recolhendo água, alimentos não perecíveis, ração para pets, fraldas descartáveis, material de limpeza e higiene pessoal.

O Procon-PE (Rua Floriano Peixoto, 141 - Santo Antônio) reunindo doações de alimentos não perecíveis, itens de casa, mesa e banho, ração para pets e material de limpeza e de higiene pessoal.

A Procuradoria da República em Pernambuco (Av. Agamenon Magalhães, 1800 - Espinheiro) está juntando donativos como água, produtos de limpeza e higiene pessoal, alimentos não perecíveis, fraldas descartáveis.

A Legião da Boa Vontade (Rua dos Coelhos, 219 - Coelhos) também está promovendo a coleta de água, alimentos não perecíveis, materiais de limpeza e higiene pessoal

Estatísticas
 
Com a permanência das chuvas no território do Rio Grande do Sul, as ações de localização, busca, resgate e auxílio das vítimas continuam.
 
Em relatório emitido na manhã desta sexta-feira (17), a Defesa Civil do Estado do RS, atualizou os números relacionados à tragédia.
 
De acordo com a entidade, são 2.295.022 afetados pelas inundações, 154 óbitos confirmados, 98 desaparecidos,e também 806 pessoas feridas.
 
A tragédia climática que atinge o estado alcançou 461 municípios e desalojou cerca de 540 mil pessoas. 
 
Aproximadamente 80 mil pessoas estão alojadas em abrigos, necessitando de doações para sobreviver.
 
A situação das chuvas no RS ameaça uma piora com uma frente fria prevista para esta sexta-feira (17). (Foto: HANDOUT / SATELLITE IMAGE ©2024 MAXAR TECHNOLOGIES / AFP)
A situação das chuvas no RS ameaça uma piora com uma frente fria prevista para esta sexta-feira (17). (Foto: HANDOUT / SATELLITE IMAGE ©2024 MAXAR TECHNOLOGIES / AFP)
 
 
Doações por Pix

O cidadão que quiser contribuir financeiramente com as instituições para reduzir os impactos causados pelas chuvas no Rio Grande do Sul podem fazer doações através da:

Central Única das Favelas (Cufa)

A  Central Única das Favelas é uma ONG presente em todos os estados do Brasil e em outros 15 países e promove atividades culturais relacionadas a esporte, educação, cidadania e arte. A doação pode ser feita pela chave pix: doacoes@cufa.org.br.

Ação da Cidadania

Chave pix: sos@acaocidadania.org.br

Ministério Público do RS

Fundo de Reconstituição de Bens Lesados - Chave: 25.404.730/0001-89

MAIS NOTÍCIAS DO CANAL