Diario de Pernambuco
Busca

Gripe

Vacina contra gripe: saiba quais cidades já iniciaram a campanha

Gestores municipais se antecipam e começam a imunizar a população separadas por grupos prioritários

Publicado em: 13/03/2024 16:35


No Recife, a Secretaria de Saúde deflagrou nesta quarta-feira (13) a 26ª Campanha de Vacinação contra a gripe (Foto: Divulgação)
No Recife, a Secretaria de Saúde deflagrou nesta quarta-feira (13) a 26ª Campanha de Vacinação contra a gripe (Foto: Divulgação)

Em razão do aumento da circulação de vírus respiratórios em todo o país, vários municípios de Pernambuco, através das suas secretarias de Saúde, já começam a campanha de vacinação contra a influenza, a famosa gripe.

Além do Recife, alguns municípios como Jaboatão dos Guararapes, Olinda, Igarassu, Paudalho e Caruaru já começaram as campanhas com o objetivo de evitar uma epidemia da doença.

No Recife, a Secretaria de Saúde deflagrou nesta quarta-feira (13) a 26ª Campanha de Vacinação contra a gripe. 

Os idosos e os profissionais da saúde residentes no Recife representam, respectivamente, 263.996 e 114.655 pessoas. 

A meta é vacinar 90% da população dos grupos prioritários até o fim da campanha, de 13 de março a 31 de maio de 2024. 

As vacinas estarão disponíveis em 170 salas, que estão nas unidades de saúde da família, unidades básicas tradicionais e policlínicas, e em cinco centros de vacinação instalados nos shoppings centers Recife, RioMar, Tacaruna e Boa Vista, além do Centro Médico Senador José Ermírio de Moraes, em Casa Forte.

O imunizante contra a doença pode ser aplicado junto com outras vacinas do calendário, incluindo a contra a covid-19, aumentando a proteção dos grupos elegíveis.

Jaboatão dos Guararapes

Em Jaboatão dos Guararapes, a aplicação da vacina contra a gripe já está disponível na rede pública de saúde.

A prefeitura iniciou a campanha de vacinação contra a doença na última sexta-feira (8) para os grupos prioritários, em três policlínicas do município, das 9h às 15h.

A aplicação da vacina estará disponível em todas as unidades de saúde da cidade. A campanha segue até o dia 31 de maio, sempre de segunda a sexta, das 9h às 15h. 

As polínicas que estarão com aplicação dos imunizantes contra Influenza são: Policlínicas Carneiro Lins, bairro dos Guararapes; Cônego Pedro de Souza, em Cavaleiro; Manoel Calheiros, no Curado; e na Policlínica Mariinha Melo, em Vila Rica.

Olinda

Já em Olinda, a Secretaria de Saúde iniciou, nesta segunda-feira (11), a Campanha Nacional de Imunização contra a Influenza 2024. 

Um total de 33.540 doses foi disponibilizado na primeira remessa recebida, correspondendo a 25% do público-alvo dos grupos prioritários.

As vacinas recebidas são do tipo Trivalente, oferecendo proteção contra as cepas A H1N1, A H3N2 e tipo B. 

A campanha acontece em todas as Unidades de Saúde do município, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. 

O serviço também está disponível no ponto de vacinação localizado no Shopping Patteo, no piso L2, também de 8h às 17h. O objetivo é vacinar 90% de cada grupo prioritário.

Igarassu

Na cidade de Igarassu, a campanha começa a partir desta quinta-feira (14), abrangendo todas as Unidades de Saúde, incluindo a Policlínica São Lucas e o Polo de Vacinação no Shopping Igarassu, no segundo andar.

A vacinação será apenas em grupos com comorbidade, como, por exemplo, crianças, profissionais da saúde, gestantes, idosos, caminhoneiros, motoristas e outros.

A campanha é essencial para  que a gripe não se espalhe, focando na prevenção para assegurar a saúde da comunidade.

Quem pertence ao grupo de risco pode se dirigir aos postos de vacinação mais próximos, portando comprovação da comorbidade, cartão SUS, identidade e/ou carteira de gestante. Vale ressaltar que hipertensos e diabéticos precisam levar o cartão de acompanhamento.

A equipe de Saúde de Igarassu prevê a vacinação de aproximadamente 48 mil pessoas que se adequam à categoria. O principal polo de vacinação é o do shopping local, que funciona das 9h às 17h. As demais unidades funcionam das 8h às 16h.

Paudalho

Em Paudalho, a campanha, que tem por título "Tá na hora de Paudalho se vacinar contra a influenza", inicia no dia 14 de março e finaliza no dia 31 de maio, com vacinação em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) da cidade. 

No dia 13 de abril, o município realiza o Dia D de vacinação em todas as comunidades.

Caruaru

Em Caruaru, a prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde, iniciou nesta quarta-feira (13) a Campanha Nacional de Vacinação contra Influenza 2024. 

A iniciativa é coordenada pelo Ministério da Saúde e segue até o dia 31 de maio, com o propósito de reduzir o contágio, assim como as complicações, internações e óbitos decorrentes das infecções pelo vírus influenza na população-alvo para a vacinação.

O imunizante estará disponível para os grupos prioritários da campanha em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) do município, de segunda a sexta-feira. 

Na zona urbana, o horário é das 8h às 16h, e na zona rural, das 8h às 15h. 

Os grupos prioritários atendidos pela campanha são: crianças de seis meses a cinco anos, onze meses e 29 dias de idade; gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto); idosos a partir de 60 anos; trabalhadores da Saúde; professores; pacientes com comorbidades; pessoas com deficiência permanente; profissionais das forças armadas, de segurança e salvamento; caminhoneiros; trabalhadores de transporte coletivo; população privada de liberdade; funcionários do sistema de privação de liberdade; jovens de 12 a 21 anos em medidas socioeducativas.

Vacina contra gripe

A influenza é uma infecção viral, com transmissibilidade acentuada. Apresenta-se de forma leve ou com sinais de maior gravidade, podendo inclusive levar ao óbito. 

A vacina que chegou em Pernambuco é considerada um imunizante trivalente, pois protege contra as cepas A H1N1, A H3N2 e o tipo B. 

De acordo com a  superintendente de Imunizações da SES-PE, Jeane Torres, "a antecipação da campanha é uma importante ferramenta para prevenção de doenças imunopreveníveis, como a influenza, em períodos de sazonalidade no nosso estado".

Números por grupos prioritários - Pernambuco

  • Idosos 60 anos a mais - 1.332.159
  • Trabalhadores de Saúde - 301.597
  • Crianças 6m a < de 6 anos - 608.524
  • Gestantes e  Puérperas- 102.657
  • Comorbidades - 359.168
  • Pessoas com deficiência permanente- 466.372
  • Caminhoneiros - 32.187
  • Trabalhadores de transporte coletivo rodoviário de passageiros- 14.481
  • Trabalhadores portuários- 4.589
  • Forças de segurança e salvamento - 25.222
  • Forças armadas - 12.562
  • Povos indígenas- 86.087
  • Pessoas em situação de rua - 2.862
  • Funcionários do sistema de privação de liberdade - 4.436
  • População privada de liberdade 18+ e adolescentes e jovens em medidas socioeducativas - 34.467.

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL