Diario de Pernambuco
Busca

Festa

Força da transformação: passarela sucateada vira biblioteca pública na Zona Sul

Equipamento cultural foi entregue nesta terça (12), em meio a comemorações dos 487 anos do Recife

Publicado em: 12/03/2024 13:21

Crianças do Pina podem usar computador na nova biblioteca pública  (Foto: Marina Torres/DP)
Crianças do Pina podem usar computador na nova biblioteca pública (Foto: Marina Torres/DP)
Um exemplo de força da transformação. 
 
Uma passarela de pedestres, que estava há anos sucateada e sem uso, no bairro do Pina, na Zona Sul do Recife, virou uma biblioteca para atender a crianças, jovens da área. 

O novo equipamento cultural foi inaugurado nesta terça (12), pela Prefeitura do Recife (PCR), em meio a programação de festividades que celebra o aniversário de 487 anos da cidade. 

A solenidade contou com a presença do prefeito João Campos (PSB), que acompanhou a inauguração do espaço que leva o nome de Biblioteca Doutor Joaquim Suassuna. 

O novo equipamento funciona na antiga passarela de pedestres da Avenida Herculano Bandeira, uma das principais rotas de quem chega à Zona Sul saindo do Centro. 

Bateria de computadores está à disposição  (Foto: Marina Torres/DP)
Bateria de computadores está à disposição (Foto: Marina Torres/DP)
A biblioteca beneficiará a população dos bairros do Pina e Brasília Teimosa. 

O espaço funcionará das 9h às 21h, e nos finais de semana estará disponível para a população de 8h às 12h. 

Segundo o prefeito João Campos, a ideia de implantar uma nova biblioteca no local veio após uma escuta pública no entorno do equipamento, onde a população clamou pela instalação do novo espaço para atender a demanda de estudantes de escolas que ficam na região. 

Antiga passarela estava sucateada  (Foto: Marina Torres)
Antiga passarela estava sucateada (Foto: Marina Torres)
“A biblioteca funciona na antiga passarela aqui na Herculano Bandeira, que durante muito tempo ficou como uma carcaça. As pessoas passavam aqui e viam que não estava de um formato adequado, e a gente fez uma escuta pública no entorno e identificamos vários colégios e vimos que poderíamos dar uma solução urbanística e social diferente”, ressaltou o chefe do Executivo Municipal. 

Ainda segundo o gestor, essa é a oitava biblioteca pública inaugurada na cidade.
 
"Com a biblioteca Doutor Joaquim Suassuna. Aqui terão 40 computadores, milhares de livros e atividades lúdicas. Aqui teremos trabalhadores da própria comunidade que vão trabalhar na biblioteca, além de duas praças, que são a Praça da Lua e a Praça do Sol”, destacou Campos. 

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL