Diario de Pernambuco
Busca

Furto

Casa de Alceu Valença é alvo de tentativa de furto e moradores impedem ação de criminoso

O caso aconteceu neste sábado (9) na parte da manhã

Publicado em: 11/03/2024 20:30 | Atualizado em: 11/03/2024 21:40

O crime aconteceu por volta das 8h e o criminoso passou um tempo observando o movimento da rua antes de invadir a residência (Foto: Cortesia)
O crime aconteceu por volta das 8h e o criminoso passou um tempo observando o movimento da rua antes de invadir a residência (Foto: Cortesia)
Uma das casas do cantor Alceu Valença, localizada na Rua de São Bento, no Centro Histórico de Olinda, foi alvo de tentativa de furto no sábado (9). Câmeras de segurança registraram o momento em que um homem retira cadeiras pela parte de trás da residência.

As imagens mostram quando o suspeito sobe por um poste para invadir o imóvel e logo em seguida sai com quatro cadeiras. Logo em seguida, moradores impedem a ação do criminoso e conseguem colocar os móveis de volta na casa.

O crime aconteceu por volta das 8h e o criminoso passou um tempo observando o movimento da rua antes de invadir a residência. Segundo testemunhas, o cantor utiliza a casa como repouso quando vai para Olinda.

A tentativa de furto foi compartilhada por um grupo de moradores que visam preservar o Centro Histórico de Olinda. “É uma situação que evidencia o completo abandono do espaço que deveria ser preservado e que é patrimônio da humanidade. A invasão à casa de Alceu é apenas a ponta do iceberg de uma omissão do poder público”, destaca o vereador Vini Castello.

Esta casa ficou famosa nas redes sociais após as aparições do cantor durante o carnaval. Alaceu Valença possui outra casa na Rua Rua Prudente de Moraes, também no Sítio Histórico.
 
O Diario de Pernambuco tentou entrar em contato com a Polícia Civil para saber se o caso foi registrado, mas não obteve retorno. 

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL