Diario de Pernambuco
Busca

Transporte público

Agora é tudo R$ 4,10: Bilhete Único dos ônibus no Grande Recife passa a valer domingo

Medida foi aprovada por conselho, em 22 de fevererio. Assembleia Legislativa realizará audi~encia para debater serviços

Publicado em: 01/03/2024 12:16

ônibus terão tarifa única a partir de domingo (3) (Foto: Governo do Estado/Divulgação )
ônibus terão tarifa única a partir de domingo (3) (Foto: Governo do Estado/Divulgação )
Os cerca de 700 mil passageiros que pagam passagem de ônibus no Grande Recife todos os dias devem ficar atentos. 
 
A partir de domingo (3), o Bilhete Único proposto pelo Governo de Pernambuco passa a valer.
 
A mudança foi aprovada por unanimidade, em 22 de feverio, durante reunião do Conselho Superior de Transporte Metropolitano  (CSTM).
 
A tarifa unificada era uma reivindicação antiga da população. 
Com a medida, o Estado reduziu o valor do Anel B de R$ 5,60 para R$ 4,10.
 
Além disso, os passageiros do sistema ainda foram contemplados com o "reajuste zero" nas passagens de ônibus. 
 
A medida foi possível devido a um incremento no subsídio direto do Executivo no valor de R$ 60 milhões, totalizando R$ 310 milhões ao ano. 
 
O reajuste zero e a unificação das tarifas dos dois anéis A e B de linhas regulares do Sistema Estrutural Integrado vão gerar uma economia de 26,79% para os passageiros, principalmente aqueles que fazem percursos maiores na RMR.

"O Bilhete Único sempre foi uma das grandes necessidades da população e um compromisso da governadora Raquel Lyra para que esse benefício fosse implementado. Essa proposta se transformou em realidade para quem utiliza o transporte público na Região Metropolitana e a partir do domingo os passageiros já poderão usufruir dessa tarifa unificada", afirmou o secretário de Mobilidade e Infraestrutura, Diogo Bezerra.

Beneficiados
 
Segundo Matheus Freitas, diretor-presidente do Grande Recife Consórcio de Transporte, com implantação do Bilhete Único e extinção do Anel B, cerca de 125 mil passageiros serão beneficiados diariamente e 70 linhas que eram o anel B passam a pagar R$ 4,10. 
 
"Nosso objetivo é estabelecer um valor único para a população, com isso, parte dos usuários que utilizam o transporte público contarão com uma redução no valor pago para se locomover pela cidade", destacou.

A tarifa única não altera a quantidade atual da frota de ônibus no Grande Recife, nem  o número de viagens  disponibilizadas pelo sistema de transporte público. 
 
A tarifa social do anel G, que opera duas linhas, será mantida no valor de R$ 2,70. Os valores das linhas opcionais também seguem sem alteração.
 
Audiência

Na segunda-feira (4), primeiro dia útil após a entrada em vigor do Bilhete Único nos ônibus do Grande Recife, a Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) vai promover uma audiência pública com o tema “Precarização do Sistema de Transporte Público de Passageiros da Região Metropolitana do Recife: medidas para reverter esse cenário”. 
 
A ideia é  obter respostas do Governo do Estado e das empresas operadoras sobre a renovação da frota e a ampliação do número de ônibus climatizados, ações que são previstas em lei e no regulamento que rege o sistema, mas que podem não ocorrer em 2024.

A audiência foi proposta pelo deputado Sileno Guedes (PSB), membro da Comissão de Defesa do Consumidor da Alepe, e convocada pelo presidente do colegiado, deputado João Paulo Costa (PCdoB). 
 
Foram convidados membros da Secretaria Estadual de Mobilidade e Infraestrutura, do Grande Recife Consórcio de Transporte, do Sindicato das Empresas de Transporte Público de Passageiros de Pernambuco (Urbana-PE), da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e representantes dos usuários e dos trabalhadores rodoviários e metroviários.

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL