Diario de Pernambuco
Busca

Assistência

Bairro do Recife ganha novo espaço de incentivo cultural e pequenos negócios de impacto social

Em parceria com Sebrae, será inaugurada na terça (20) a Sala do Empreendedor da Casa Zero

Publicado em: 16/02/2024 12:18 | Atualizado em: 16/02/2024 14:47

Casa Zero fica na Rua do Bom Jesus, no Recife  (Foto: Arquivo/DP)
Casa Zero fica na Rua do Bom Jesus, no Recife (Foto: Arquivo/DP)
O Bairro do Recife passa a contar com mais um importante equipamento de fomento cultural e de empreendedorismo.
 
Em uma parceria do Sebrae, será inaugurada na terça (20) a Sala do Empreendedor da Casa Zero. 
 
O espaço fica na Rua do Bom Jesus e será voltado ao apoio a pequenos negócios de impacto social. 
 
Os atendimentos presenciais vão acontecer nas terças, das 13h às 17h, e nas quartas, das 9h às 13h, no segundo andar na Casa Zero.
 
Segundo o Sebrae, o espaço funcionará como ponto de viabilidade de oportunidades para a população em maior vulnerabilidade social da capital pernambucana, sobretudo as pessoas alcançadas pelas atividades de impacto social desenvolvidas pela Casa Zero, considerado o primeiro shopping de empreendedorismo social do Brasil.  
 
Atualmente, a instituição atua em seis comunidades próximas a sua sede: Pilar, Santo Amaro, Ilha do Joaneiro, Coque, Comunidade do Papelão e Brasília Teimosa. Contudo, também serão recebidos empreendedores de outros territórios que precisem de apoio.
 
"O Sebrae vai levar novas trilhas de conhecimento desenvolvidas pensando nesses empreendedores, além das que já são oferecidas pela Casa Zero. Vamos trabalhar com um público específico, e o nosso objetivo é estimular a formalização e autonomia dessas pessoas, capacitando-as para os desafios de gerenciar um negócio", destacou Tereza Neuma, analista do Sebrae. 

Como vai funcionar

Os empreendedores que visitarem a Sala do Empreendedor na Casa Zero vão dispor de atendimento individual e personalizado, com orientações técnicas adaptadas ao seu negócio acerca dos primeiros passos para abrir o seu empreendimento formal, o seu funcionamento, a sua regularização e os procedimentos relativos ao Microempreendedor Individual (MEI), com apoio administrativo e contábil.
 
O espaço também estará disponível para atender empreendedores em geral.

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL