Diario de Pernambuco
Busca

BALANÇO DA VIOLÊNCIA

Violência sexual em alta: Estado fecha 2023 com média de 7 estupros por dia

Segundo estatísticas da SDS, foram 2.754 casos registrados em 365 dias.

Publicado em: 12/01/2024 11:30

 (Foto: Agência FreePik )
Foto: Agência FreePik

Pernambuco fechou 2023 com uma média de sete casos de estupros por dia. 
 
De acordo com a série histórica, os  dados foram contabilizados pelo Governo do Estado entre janeiro e dezembro. 
 
O site oficial da Secretaria de Defesa Social (SDS) publicou um balanço, que  aponta o registro de 2.754 casos de violência sexual em 365 dias.
 
Isso representa um aumento de 4,04%, se comparado com o mesmo período de 2022, quando foram contabilizadas 2.647 ocorrências. 
 
Na comparação com o mesmo período de 2021, o aumento chegou a 3,96%.
 
Naquele ano, foram registrados 2.649 casos de estupro no Estado. 
 
Somente em dezembro de 2023, foram contabilizados 152 casos

Na série histórica do ano passado, o mês que mais contabilizou ocorrências deste tipo foi julho, com o registro de 276 casos

O Diario de Pernambuco listou o número de casos que foram contabilizados entre os meses de janeiro a dezembro de 2023 em seis cidades de Pernambuco.

Confira a lista:

Recife - 458 casos;

Cabo de Santo Agostinho (RMR) - 96 casos;

Jaboatão dos Guararapes (RMR) - 178 casos;

Olinda (RMR) - 127 casos;

Petrolina (Sertão) - 150 casos,

Paulista (RMR) - 111 casos.


Professor 

Um dos casos recentes de repercussão de violência sexual foi de um professor de 34 anos, preso por estupro de vulnerável no último dia 7 deste mês, no Recife. 

Ele é suspeito de praticar violência sexual contra uma crianaça de 8 anos, no dia 5, no bairro da Tamarineira, na Zona Norte do Recife. 

Por meio de nota, a Polícia Civil de Pernambuco (PCPE) informou que cumpriu um mandado de prisão preventiva contra o suspeito. 
 
Informações extraoficiais dão conta de que o suspeito foi identificado como Francisco Nery Alves da Silva Neto,

Os crimes teriam sido praticados durante aulas particulares.
 
A polícia não informou o local em que o fato aconteceu nem como o ato criminoso foi praticado. 
  
Os nomes da criança e dos pais não foram divulgados oficialmente.  
 
No serviço de acompanhamento processual no site do Tribunal de
Justiça de Pernambuco (TJPE) consta que ele foi levado para o Centro de Triagem (Cotel), em Abreu e Lima, na Região
Metropolitana. 
 
O suspeito já responde a outro processo, também ppr estupro, em 2023.
 
A denúncia contra Francisco Nery Alves da Silva Neto aconteceu em 2020, mas só foi acolhida pelo Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) em maio de 2021.
 
Em maio de 2023, o caso chegou a ter uma audiência de instrução, mas foi arquivado dois meses depois e desarquivado no mês seguinte. 

Violência doméstica

Outro indicador que apresentou aumento em 2023 foi o de violência doméstica e familiar. 

Segundo dados da SDS, o ano de 2023 fechou com o registro de 51.780 casos entre os meses de janeiro a dezembro. 

Isso representa um aumento de 18,3% se comparado com o mesmo período de 2022, quando foram contabilizadas 43.752 ocorrências. 
 (Foto: Agência FreePik)
Foto: Agência FreePik
 
Já se comparado com a série histórica de 2021, o aumento foi de 25,6%, quando foram contabilizadas àquela época 41.213 ocorrências. 
 
Segundo a série histórica de ocorrências deste tipo em 2023, Pernambuco obteve 141 casos de violência doméstica por dia. 

Homicídios

Dez assassinatos por dia em Pernambuco. Essa foi a média de homicídios na série histórica de 2023, com os dados contabilizados e fechados pelo Governo do Estado entre o mês de janeiro a dezembro de todo o ano passado. 

O site oficial da Secretaria de Defesa Social (SDS), publicou, no último dia 7 deste mês, os dados que apontam que o registro é de 3.632 Mortes Violentas Intencionais (MVI) em 365 dias.

MVI é a nomenclatura que engloba assassinatos e vários outros tipos de mortes violentas, inclusive as que envolvem ações policiais. 

Se comparado ao mesmo período de 2022, o aumento de casos foi de 6,2%.
 (Foto: Rafael Vieira/Arquivo DP )
Foto: Rafael Vieira/Arquivo DP
De janeiro a dezembro de 2022,  foram registradas 3.418 mortes violentas. 

Foram 214 homicídios a mais no comparativo com a série histórica nos dois anos. 
 
A média diária de homicídios em todo o ano de 2023 fechou em 9,9 casos por dia.

Isso acontece levando  em conta o total de 3.632 assassinatos compreendidos nos 365 dias do ano. 

O aumento foi de 0,6 pontos se comparado com a média de 2022, que foi de 9,3 assassinatos por dia.
 
Foram 3.418 assassinatos compreendidos nos 365 dias daquele ano.

Roubos e furtos

As ocorrências de roubos e furtos a carros, ônibus e cargas de janeiro a dezembro de 2023 tiveram aumento em comparação com o mesmo período de 2022.

Os indicadores foram divulgadas no site da Secretaria de Defesa Social (SDS). 
 
Ao todo, segundo os dados da SDS, 12.509 casos de roubos a veículos foram registrados em 2023.
 
.O aumento é de 14,4% comparando com o mesmo período de 2022, quando foram contabilizados 10.926 casos.
 
Foram 1.583 roubos a mais no comparativo com a série histórica nos dois anos. 
 (Foto: Arquivo)
Foto: Arquivo

Já o número de veículos furtados (quaando não há o uso de violência nas abordagens delituosas) em todo o ano de 2023 foi de 7.879 casos. 
 
Isso representa um aumento de 12,6%, quando foram contabiliados no mesmo período do ano anterior um total de 6.992 casos.  
 
Foram 887 furtos a mais no comparativo com a série histórica nos dois anos. 
  
Juntando os dois indicadores, Pernambuco fechou o ano de 2023 com um total de 20.388 casos de roubos e furtos de carros. 
 
Isso equivale é uma média diária de 55 veículos roubados ou furtados no Estado, compreendidos nos 365 dias do ano.  


Ônibus

Os dados de crimes contra o transporte coletivo também fecharam o ano com aumento.

Segundo os dados da SDS, 2023 teve 595 casos. A média de crimes deste tipo em 2023 foi de uma ocorrência por dia. 
 (Foto: Romulo Chico/Arquivo DP)
Foto: Romulo Chico/Arquivo DP

Comparando com o mesmo período de 2022, o aumento foi de 31%, quando foram contabilizados 454 casos. 
 
Foram 141 roubos a mais no comparativo com a série histórica nos últimos dois anos. 

Cargas

Outro indicador que também apresentou aumento no número de ocorrências foi o de roubos a cargas. 

De acordo com dados da SDS, de janeiro a dezembro de 2023 foram registrados 391 casos

O aumento é de 12% em relação ao mesmo período de 2022, onde foram contabilizadas 349 ocorrências.

A média de crimes desse tipo em 2023 foi de um caso por dia
 
Foram 42 roubos a mais no comparativo com a série histórica nos
últimos dois anos. 

Já nos Crimes Violentos contra o Patrimônio (CVP), que engloba todos os indicadores de crimes de roubos e furtos no Estado, o ano de 2023 fechou com 45.461 casos, entre janeiro e dezembro. 

Se for comparada com o mesmo período de 2022, houve redução de 10,6%, quando foram contabilizadas 50.992 ocorrências. 

Juntos Pela Segurança

O Governo do Estado lançou no dia 27 de novembro, com atraso de três meses, o plano “Juntos Pela Segurança”.

Ele  pretende, de acordo com o Poder Executivo Estadual, reduzir em 30% o número de Mortes Violentas Intencionais (MVIs) até 2026.

Além dos assassinatos, o Poder Executivo promete reduzir em 30% os índices de Crimes Violentos Contra o Patrimônio (CVP), que consistem em roubos e furtos, além de crimes violentos contra a Mulher, até 2026.
 
Para garantir o custeio e realizar o plano, o governo de Pernambuco já havia antecipado mais de R$ 3 bilhão em investimentos voltados para a segurança pública. 
 
Isso significa uma redução anual média de 10%. Para fazer uma comparação, o Pacto Pela Vida  (PPV) desenvolvido pelo governo anterior, tinha como meta redução anual de 12%. Esse índice, no entanto, só foi conquistado três vezes em 16 anos.

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL