Diario de Pernambuco
Busca

Meio ambiente

Semas-PE cria pesquisa de dados abertos sobre informações ambientais no estado

Os pernambucanos podem participar da pesquisa através de um formulário do Google

Publicado em: 10/01/2024 18:55

 (Foto: Reprodução/Internet)
Foto: Reprodução/Internet

Informações sobre o meio ambiente estarão mais transparentes e acessíveis para os pernambucanos. Isso porque a Secretaria de Meio Ambiente, Sustentabilidade e de Fernando de Noronha (Semas-PE) está lançando uma pesquisa sobre Dados Abertos no estado.

Esta iniciativa é voltada para informações acessíveis ao público, representadas em meio digital, estruturadas em formato aberto, processáveis por máquina, referenciadas na internet e disponibilizadas sob licença que permita a sua livre utilização. O principal objetivo da ação é incentivar a transparência e a participação cidadã, permitindo que qualquer pessoa possa acessar, utilizar e compreender os dados fornecidos.

"A disponibilização de dados abertos pela SEMAS, pela CPRH e por Fernando de Noronha não apenas atende às diretrizes governamentais, mas também posiciona nossas entidades como exemplos para os demais. Isso reforça nosso compromisso com a transparência, a prestação de contas e a participação ativa da sociedade nas ações ambientais", ressalta o gerente geral de Controle Interno da Semas-PE, Pedro Carvalho.  O prazo de resposta é até o dia 31 de janeiro de 2024. 

Um formulário foi criado para que os pernambucanos indiquem quais dados ambientais são mais relevantes. A participação do público irá ajudar a direcionar os esforços da secretaria na disponibilização das informações mais impactantes para a sociedade.
 
Confira o formulário clicando aqui. 
Conheça alguns dos projetos da Secretaria de Meio Ambiente

O Programa de Reflorestamento de Pernambuco é um projeto que tem como objetivo orientar as ações públicas voltadas para o plantio florestal para manter e recuperar os ecossistemas em geral. Uma das metas deste programa é o replantio de 3,5 milhões de árvores.

A iniciativa Pernambuco Carbono Neutro reúne uma série de ações para alcançar a neutralidade das emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE) em 2050. A ação estabelece metas, prazos e ações para mitigação das emissões no estado. De acordo com a secretaria, os resultados da trajetória para o cenário de descarbonização indicam uma redução das emissões de GEE em Pernambuco de 15% em 2025 e 32% em 2035, em relação às emissões projetadas para esses anos no cenário linha de base.

O projeto de combate ao coral-sol e espécies invasoras tem como meta garantir a segurança da biodiversidade dos ecossistemas recifais nativos. O plano traz uma série de medidas, estando dividido em cinco etapas: Diagnóstico; Remoção; Monitoramento; Comunicação e Normas. 

O Plano de Ação de Combate ao Lixo no Mar (Pacolmar-PE) foi lançado na I Conferência Internacional de Resíduos Sólidos e envolve ações estratégicas para a gestão de resíduos sólidos, limpeza de praias, rios e mangues e gestão de resultados.

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL