Diario de Pernambuco
Busca

Oportunidades

Defensoria Pública abre vagas em seleção simplificada para profisionais de nível susperior

Gratuitas, as inscrições para a seleção pública vão até o dia 19 de janeiro

Publicado em: 16/01/2024 11:45

Defensoria Pública de Pernambuco abriu vagas  (Foto: Arquivo)
Defensoria Pública de Pernambuco abriu vagas (Foto: Arquivo)
A Defensoria Pública de Pernambuco abriu inscrições para uma seleção simplificada de seis profissionais de de nível superior de diversas áreas.
 
Eles vão atuar Núcleo de Defesa da Mulher Vítima de Violência Doméstica e Familiar da instituição (Nudem).

Gratuitas, as inscrições para a seleção pública vão até o dia 19 de janeiro. 
 
Serão recebidas via postal (sedex) ou entregues de forma presencial no prédio da Defensoria Pública de Pernambuco localizado na Avenida Manoel Borba, nº 640, Boa Vista, Recife/PE.

Segundo a Defensoria, a seleção tem como objetivo aperfeiçoar o acolhimento de mulheres vítimas de crimes relacionados a violência doméstica, sexual, obstétrica, institucional e virtual, que são assistidas pela Defensoria Pública do Estado de Pernambuco.
 
Vagas

Estão abertas as seguintes vagas: 
Assistente social (2)
Psicólogo (2),
Pedagogo (2)

Desse total, 10% das vagas são reservadas para pessoa com deficiência (PcD). 
 
Para todas as funções a carga horária de trabalho é 30 horas semanais. 
 
Os salários variam de R$ 2.163,10 e R$ 2.341,11. 
 
É  necessário ter experiência no mínimo de três anos. Os contratos serão temporários, com prazo de 12 meses, podendo ser prorrogados por igual período.

Como será

A seleção será realizada em duas etapas, sendo a primeira denominada Avaliação Curricular, de caráter classificatório e eliminatório, e a segunda etapa, de caráter classificatória e eliminatória, que será realizada através de Entrevista Presencial, a ser realizada pela coordenação do núcleo.

As contratações serão possíveis em razão da celebração de Convênio entre a Defensoria Pública do Estado de Pernambuco e o Ministério da Justiça e Segurança Pública, com o objetivo de materializar a Política Nacional de Atenção às Vítimas de Crimes.

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL