Diario de Pernambuco
Busca

Segurança

Comando da Polícia Militar e da Polícia Civil passam por mudanças; confira

O coronel Ivanildo Cesar Torres de Medeiros assume o Comando Geral da Polícia Militar e o delegado Renato Márcio Rocha Leite assume a chefia da Polícia Civil

Publicado em: 22/01/2024 22:05 | Atualizado em: 23/01/2024 09:29

Delegado Renato Márcio Rocha Leite e coronel Ivanildo Cesar Torres de Medeiros (Foto: Divulgação)
Delegado Renato Márcio Rocha Leite e coronel Ivanildo Cesar Torres de Medeiros (Foto: Divulgação)
Os comandos da Polícia Militar e da Polícia Civil de Pernambuco passarão por mudanças a partir desta terça-feira (23). O coronel Ivanildo Cesar Torres de Medeiros assume o Comando Geral da Polícia Militar, em substituição ao coronel Tibério César dos Santos, e o delegado Renato Márcio Rocha Leite assume a chefia da Polícia Civil, cargo anteriormente ocupado pela também delegada Simone Aguiar. A informação foi repassada pelo Governo do Estado.

No anúncio das mudanças, a governadora Raquel Lyra ressaltou a importância do trabalho feito pelos coronéis.
 
“Agradeço a contribuição ao serviço público do coronel Tibério e da delegada Simone, que estiveram conosco desde o início do nosso governo. O coronel Torres e o delegado Renato assumem o comando da PM e da Polícia Civil, respectivamente, com o compromisso de fortalecer as ações das operativas da Secretaria de Defesa Social e fazer de Pernambuco um estado mais seguro”.

As mudanças chegam justamente num momento em que a segurança em Pernambuco foi colocada em xeque novamente. No último sábado, torcedores de Sport e Santa Cruz se enfrentaram na PE-15, em Paulista, horas antes do jogo que aconteceu em São Lourenço da Mata. O saldo foi de um policial militar e dois torcedores baleados, além da apreensão de artefatos explosivos, rojões e soqueiras.

Outros índices de violência permaneceram elevados em 2023. Os casos de violência sexual somaram 2.754 no ano, aumento de 4,04% em relação a 2022, o que rendeu uma média de sete estupros por dia.

Já o quantitativo de Mortes Violentas Intencionais chegou a 3.632, entre janeiro e dezembro do ano passado, segundo dados do próprio Governo do Estado, representando 6,2% a mais que o período anterior.

Além disso, o carnaval está batendo à porta e nesta época do ano os índices de violência tendem a crescer. Durante as prévias carnavalescas do dia 14 de janeiro no Recife e em Olinda, a Polícia Militar prendeu quatro pessoas. Os casos aconteceram no primeiro final de semana de prévias após a Secretaria de Defesa Social (SDS) anunciar o reforço das forças de segurança com quase 10 mil mobilizações de agentes para atuarem nas festividades em pontos concentrados em Olinda e Recife. 

A divulgação do plano foi feita poucos dias após confusões e "tentativa de arrastão" registradas durante as prévias de Olinda, no Grande Recife, no dia 7 de janeiro. O coronel e o delegado entram com o desafio de baixar os números dos indicadores

Conheça o coronel Ivanildo Torres e o delegado Renato Leite

O novo comandante da Polícia Militar, coronel Ivanildo Torres, ingressou na corporação em 1995. Ele possui graduações no Curso de Formação de Oficiais pela Academia de Polícia Militar de Paudalho, bacharelado em Direito e licenciatura em Filosofia, além de pós-graduação em Capacitação Pedagógica, Gestão em Segurança Pública, Planejamento Organizacional e Gerenciamento de Desastres e Emergências. É especialista na área de Gerenciamento de Crise e Desastre.

O delegado Renato Leite, por sua vez, é bacharel em Direito pela Universidade Católica de Pernambuco e possui pós-graduação em Políticas Públicas de Segurança. Ele integra os quadros da Polícia Civil pernambucana desde 2000.

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL