Diario de Pernambuco
Busca

Urbanismo

Com investimentos de R$ 10 milhões, Recife começa limpeza de 99 canais que cortam a cidade

Até agora, a Emlurb já removeu aproximadamente 4 mil toneladas de resíduos sólidos e orgânicos

Publicado em: 25/01/2024 12:09 | Atualizado em: 25/01/2024 15:53

Máquinas estão fazendo limpeza de canais (Foto: Prefeitura do Recife )
Máquinas estão fazendo limpeza de canais (Foto: Prefeitura do Recife )
Começou a temporada de limpeza dos 99 canais que cortam o Recife. 
 
Com investimentos de R$ 10 milhões, a prefeitura vai preparar o município para o período de chuvas, que começa em abril. 

Desde o dia 2, a Autarquia de Manutenção e Limpeza Urbana (Emlurb) vem executando serviços nas seis  Regiões Político Administrativas (RPAs) da capital. 

As intervenções fazem parte da Ação Inverno 2024. 
 
Na quarta (24), o Prefeito João Campos (PSB) vistoriou o andamento dos trabalhos de limpeza do Canal do Jordão, na Zona Sul da cidade.

“Fazemos a limpeza dos resíduos flutuantes três vezes por semana, através das  ecobarreiras, durante o ano inteiro. Mas também precisamos realizar essa limpeza mais  profunda, que começa no verão, para preparar a cidade para o inverno. Todo o resíduo que está no fundo do canal é retirado para aumentar a área de drenagem. Precisamos fazer a nossa parte. A Prefeitura limpa, mas todos precisam colocar o lixo no lugar certo para  que a gente possa investir essa verba em outros projetos, obras e ações da cidade”, afirmou o prefeito durante a vistoria.

Até esta quinta (25), segundo a prefeitura, tinham sido retiradas 4 mil toneladas de resíduos que estavam em dez canais.
 
O Canal do Jordão faz parte desse primeiro grupo de sistemas de macrodrenagem. 

Ele  teve a limpeza iniciada no dia 15 deste mês, com término previsto para 16 de fevereiro.
 
“São dez limpezas de canais em andamento simultaneamente. Todos os equipamentos  foram mobilizados para garantir que a gente siga o cronograma e tenha todos os canais limpos até meados deste ano, em média. Assim, no período de inverno, todos esses corpos d'água poderão receber a quantidade de água da chuva sem a presença de resíduos sólidos nesses canais, para que o escoamento de drenagem seja razoável”, disse Marília Dantas, secretária de Infraestrutura e diretora presidente da Emlurb.

Jordão
 
O Canal do Jordão, em Boa Viagem, na Zona Sul, integra a bacia do Rio Tejipió.
 
Na área, 15 homens estão trabalhando na limpeza. São usadas uma escavadeira hidráulica, uma retroescavadeira e oito caminhões caçamba para a remoção e transporte do material.
 
Atéa quarta, tinham sido retiradas cerca de 480 toneladas de resíduos (o equivalente a 28 viagens de caminhão). O investimento previsto é de R$ 407.680,00.

Além do Canal do Jordão, os outros que estão com a  ação de limpeza em andamento são o Ibiporã, Córrego da Areia, Vasco da Gama, Peixinhos (Canal  do  Arruda), Riacho  dos  Macacos, Rio  Morno, Bela Vista, Zumbi, Guarulhos e Ibura.

Drenagem

O prefeito também vistoriou o serviço de drenagem na Rua Floriano Peixoto, no Bairro de São José, no centro.

A ação, que também visa preparar a cidade para o inverno ao reduzir o acúmulo de água,  melhorar a mobilidade urbana e o tráfego de veículos, beneficia diretamente cerca de 2 mil pessoas que moram e trabalham na região, além de todas as pessoas que utilizam o percurso diariamente.

O investimento totaliza mais de R$ 1 milhão e 30% da obra já foi executada.

“Estamos fazendo diversas intervenções ao longo da rua para melhorar o sistema de drenagem, como ligações que não existiam e a implementação de caixas coletoras e tubulações. 

Era um ponto da cidade que alagava muito e entendemos que com essas obras essa questão será solucionada”, ressaltou Cíntia Rafaela dos Santos, diretora executiva da Emlurb.
Tags: urbanismo | recife | limpeza | canais |

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL