Diario de Pernambuco
Busca

Violência

Três suspeitos de envolvimento com tráfico de drogas são mortos em conflito com PM

Policiais teriam reagido ao serem recebidos com tiros

Publicado em: 01/12/2023 21:30

As vítimas foram levadas para o HR, mas não resistiram aos ferimentos (Foto: Rômulo Chico/DP)
As vítimas foram levadas para o HR, mas não resistiram aos ferimentos (Foto: Rômulo Chico/DP)

Três suspeitos de envolvimento no tráfico de drogas morreram durante um confronto com policiais do 1º Batalhão da Polícia Militar na tarde desta sexta-feira (1). O caso aconteceu na comunidade do Marezão, no bairro de Peixinhos, em Olinda. 

A morte dos envolvidos foi confirmada pela Polícia Militar, que informou que “policiais receberam informações de que homens estariam portando armas de fogo e traficando no local”. Ao chegarem na comunidade, onde os suspeitos estariam traficando drogas, os PMs teriam sido recebidos com disparos de armas de fogo.

Os policiais militares reagiram e balearam três homens, que foram socorridos para o Hospital da Restauração. Apesar de serem atendidas, as vítimas baleadas não resistiram aos ferimentos e morreram.

De acordo com a PM, durante a ação foram apreendidas três armas de fogo, dois revólveres e uma pistola, além de 650 pedras de crack, 137 papelotes de maconha e 36 bigs da mesma droga. A ocorrência seguirá para o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

PMs envolvidos em mortes na Comunidade do Detran têm prisão preventiva

O Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) decretou a prisão preventiva de seis dos nove policiais militares envolvidos na operação que deixou dois mortos na Comunidade do Detran, na Iputinga, na Zona Oeste do Recife, no dia 20 de novembro.

Os outros três PMs envolvidos tiveram a liberdade provisória decretada e responderão à medidas cautelares, de acordo com o Judiciário.

Na operação, integrantes do Batalhão de Operações Especiais (Bope) entraram na comunidade do Detran em busca de suspeitos de tráfico de drogas. O alvo seria um homem conhecido como ''gerente'' do tráfico de drogas na comunidade.

Os PMs entraram em uma casa, onde estavam os dois suspeitos. Imagens divulgadas em redes sociais mostram parte dessa operação. 
 
Primeiro, foram retiradas mulheres e crianças da residência. Os dois homens baleados ainda foram socorridos pela PM e levados para Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Caxangá, na mesma região, mas não resistiram aos ferimentos.


COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL