Diario de Pernambuco
Busca

Combate ao crime

Presbítero de igreja evangélica é preso por suspeita de matar 11 pessoas

Suspeito de crimes na Mata Norte do Estado, ele foi capturado em Goiás, em ação conjunta das duas polícias

Publicado em: 22/12/2023 16:51 | Atualizado em: 22/12/2023 16:55

Polícia Civil participou da prisão de presbítero  (Foto: Arquivo)
Polícia Civil participou da prisão de presbítero (Foto: Arquivo)
Um presbítero de uma igreja evangélica foi preso por envolvimento em 11 assassinatos cometidos no interior de Pernambuco. 
 
Ele atuava como pregador em uma igreja localizada na Paraíba. 
 
A captura aconteceu em Quirinópolis, no interior de Goiás, onde ele estava escondido. 
 
Foi uma ação conjunta realizada entre as polícias pernambucana e goiana. 

A prisão do religioso aconteceu na quarta (20) e foi confirmada nesta sexta (22), por meio de nota, pela Polícia Civil de Pernambuco. 
 
Segundo informações, Flávio Severino Vicente, de 30 anos, conhecido como Babidi, tem envolvimento em assassinatos na cidade de Vicência, em Pernambuico. 

Oito dessas vítimas tinham ligação com o tráfico de drogas. Outras duas não possuíam relação com o mundo do crime. 
 
O homem também  é acusado de matar uma pessoa no município de Machados, também na Zona da Mata Norte de Pernambuco. 
 
De acordo com as investigações presididas pelo delegado Thiago Henrique, Babidi atuava como presbítero evangélico, na Paraíba, e pistoleiro, em Pernambuco.
 
O delegado afirmou, em suas redes sociais, que, ao execer as duas atividades simultaneamente, ele "tinha um álibi praticamente perfeito". 

Ele seria integrante de uma facção criminosa que tem a intenção de dominar o tráfico de drogas na Zona Da Mata Norte.

Para isso, a facção decidiu que os traficantes que atuavam em Vicência, na Mata Norte, deveriam ser recrutados ou mortos.
 
Na nota, a polícia afirmou que a prisão fez parte da Operação Juízo Final. 
 
A corporação disse ainda, que prendeu, por força de mandado de prisão, "um homem apontado como executor de mais de 10 homicídios na área de Vicência e região".
 
O mandado de prisão foi expedido pela vara única da comarca de Vicência. 
 
A polícia não informou para qual presídio ele foi levado.  

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL