Diario de Pernambuco
Busca

Crimes

Homem que esfaqueou a ex-namorada e os pais dela é alvo de 7 boletins de ocorrência por violência doméstica

Ele foi preso na quinta (14) em um condomínio de luxo em Gravatá, Agreste de Pernambuco, onde estava escondido

Publicado em: 15/12/2023 14:44 | Atualizado em: 15/12/2023 15:55

Prédio de família foi invadido pelo suspeito de três tentativa de homicídio  (Foto: Arquivo/DP)
Prédio de família foi invadido pelo suspeito de três tentativa de homicídio (Foto: Arquivo/DP)
Bruno de Andrade Lima de Albuquerque, de 29 anos, suspeito de tentativa de duplo feminicídio e um homicídio em Jaboatão dos Guararapes, no dia 15 de novembro, é alvo de sete boletins de ocorrência por violência doméstica. 

Ele foi preso na manhã de quinta-feira (14), em um condomínio de luxo em Gravatá, no Agreste pernambucano, onde estava escondido.
 
Bruno é apontado como responsável por invadir um apartamento e esfaquear a ex-namorada, de 19 anos, e os pais dela.
 
Entre os boletins de ocorrência, cinco foram registrados na Delegacia de Santo Amaro, no Recife.
 
Eles têm relação com casos de agressões a outras mulheres.
 
Dois foram feitos a partir de denúncias da vítima de tentativa de feminicídio de novembro, em Jaboatão. 

Como foi

Segundo informações, o investigado não aceitava o fim do relacionamento e invadiu o prédio de sua ex-companheira, de 19 anos e munido de uma arma branca, arrombou a porta daquela residência e investiu contra a vida, tanto de sua ex-companheira, como de seus genitores, um homem, de 54 anos, e uma mulher, 49 anos.  

As investigações foram conduzidas pela 2ª Delegacia da Mulher, sob a coordenação da Delegada Ana Carolina Guerra. 

“Assim que a gente tomou conhecimento dessa tripla tentativa de assasinato, iniciamos as investigações no inquérito policial e rapidamente foi pedida a prisão preventiva dele, que foi deferida. Aí, começaram as buscas para tentar cumprir esse mandado e também a instrução do inquérito policial, com oitiva de testemunhas, com essa juntada de perícias, contou a delegada, em entrevista coletiva concedidfa nesta sexta (15), no Recife. 

Ainda de acordo com a delegada, ele já tinha registros de outras mulheres que tinham feito denúncias contra ele.

“Nós fizemos um levantamento e encontramos cinco boletins de ocorrência registrados na delegacia da mulher do Recife e também havia registro na Delegacia da Mulher do Jaboatão, inclusive contra a mesma vítima, que esse inquérito já havia sido remetido à justiça. Inclusive, ela já havia pedido medida protetiva anterior, mas havia retomado esse relacionamento com ele”, declarou a policial.

Prisão
 
A prisão ocorreu em um bangalô dentro de um condomínio de luxo, localizado no Município de Gravatá.
 
De acordo com o delegado, após o recebimento do mandado de prisão, expedido pela justiça e mediante a representação da delegada da Dpmul, foram realizadas diligências em esforço conjunto, com troca de informações e foi possível identificar que ele estava escondido em um condomínio na cidade.

“Há um mês ele cometeu o crime e provavelmente ele contou com ajuda de pessoas que levaram mantimentos naquele imóvel. Lá, ele fazia questão de manter o local sempre fechado para não chamar atenção dos vizinhos e ser reconhecido. O imóvel não pertencia a ele e foi alugado por uma terceira pessoa, ele foi encaminhado ao Cotel, onde se encontra à disposição da justiça", disse o delegado. 

O homem já foi encaminhado para o centro de observação criminológica e triagem Professor Everardo Luna (Cotel), onde ficará à disposição da justiça.

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL