Diario de Pernambuco
Busca

Arboviroses

Estado fecha ano com quase 4 mil casos de dengue e chikungunya e sete mortes; saiba como se prevenir

Governo de Pernambuco alerta para aumento do número de registros

Publicado em: 12/12/2023 11:09 | Atualizado em: 25/01/2024 10:42

O mosquito Aedes aegypti é o transmissor dessas doenças, que se desenvolvem com facilidade em ambientes tropicais e subtropicais. (Foto: Jcomp/ Freepik)
O mosquito Aedes aegypti é o transmissor dessas doenças, que se desenvolvem com facilidade em ambientes tropicais e subtropicais. (Foto: Jcomp/ Freepik)
 
Secretaria de Saúde do Estado alerta para alta de casos de arboviroses e chama atenção para os cuidados que a população deve ter.

Conforme o boletim, em Pernambuco, entre janeiro e o dia 2 de dezembro, foram confirmados 3.095 casos de dengue e 845 de chikungunya.
 
Nesse período, também foram confirmados sete casos de óbitos, devido às arboviroses.
Não houve registros, até então, de casos de zika, segundo a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE). 
 
O governo ressalta que a chegada do verão contribui para o aumento de casos em todo o país.
 
O mosquito Aedes aegypti é o transmissor dessas doenças, que se desenvolvem com facilidade em ambientes tropicais e subtropicais.

Sintomas

Na dengue, os sintomas mais comuns são febre alta, dor no corpo, sendo ela, muscular ou articulações, dor de cabeça e atrás dos olhos, além de erupções na pele.

A chikungunya, além da febre intensa, causa dor, principalmente nas articulações podendo ocasionar ainda lesões na pele.

Já o zika vírus apresenta sintomas mais discretos como febre geralmente baixa, manchas no corpo e mal estar são alguns dos sintomas.

Como evitar a proliferação

As pessoas também podem fazer a diferença e evitar a proliferação do mosquito.

É preciso se atentar nos dias de chuva, se há algum local/recipiente que contenha água parada; 
fazer o descarte do lixo de forma correta; 
tampar a caixa d’água; 
supervisionar os vasos de plantas;
limpar as calhas;
cobrir piscinas; 
limpar e guardar as vasilhas dos animais de estimação;

Canal de comunicação

A secretaria também disponibiliza um canal para que a população faça denúncias referentes a possíveis focos do mosquito, através do aplicativo Conecta Recife e do Ouvidoria do SUS (0800.281.1520).

Governo do Estado lança Plano Estadual de Contingência das Arboviroses

Com o intuito de evitar o aumento do número de registros da dengue e zika, a Secretaria de Saúde do Estado (SES-PE) lançou, no dia 21 do mês de novembro, o Plano Estadual de Contingência das Arboviroses para 2024. 

O documento é constituído de um plano de ação, com trabalhos que serão desencadeados e intensificados para o enfrentamento dessas doenças nos municípios de Pernambuco.

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL