Diario de Pernambuco
Busca

No interior

Cabo da PM morre depois de levar tiro acidental no Agreste

Polícia Militar disse que Cristiano Feitoza de Carvalho, de 42 anos, ainda foi levado para uma unidade de saúde

Publicado em: 21/12/2023 13:00 | Atualizado em: 21/12/2023 15:21

Cabo Cristiano Carvalho tinha 42 anos (Foto: Redes Sociais )
Cabo Cristiano Carvalho tinha 42 anos (Foto: Redes Sociais )
Um cabo da Polícia Militar morreu depois de levar um tiro acidental. O caso aconteceu em Caruaru, no Agreste pernambucano. 
 
Por meio de nota divulgada nesta quinta (21), a PM disse que o registro foi feito na noite de quarta (20). 

Crstiano feitoza de Carvalho, de 42 anos, deu entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Rendeiras.
 
Ele ficou ferido por um disparo de arma de fogo que atingiu sua femoral. 

"Ele foi socorrido mas infelizmente não resistiu e foi a óbito na unidade de saúde", disse a nota.
 
Ainda segundo a PM. a viúva dele relatou que "o disparo ocorreu de forma acidental".

A corporação informou que, para prestar esclarecimentos, ela foi apresentada na Polícia Civil, que vai realizar as investigações para apurar as circunstâncias dos fatos.
 
Também por meio de nota, a Polícia Civil disse que a 14ª Delegacia de Caruaru está investigando "uma morte a esclarecer".
 
"Um inquérito foi instaurado para apurar todos os fatos. As investigações foram iniciadas, e seguem até elucidação do crime", acrescentou.
 
Nas redes sociais, a Associação de Cabos e Soldados de Pernambuco lamentou a morte de Cristiano, "devido a uma fatalidade". 
 
A entidade também prestou solidariedade aos parentes e amigos "deste guerreiro". 


Tags: morte | pm | tiro | acidental | agreste |

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL