Diario de Pernambuco
Busca

AVENIDA RECIFE

Companheiro de mulher que morreu em colisão é preso por dirigir bêbado

Veículo bateu em dois carros e, em seguida, em árvore, na Avenida Recife, no domingo (8)

Publicado em: 09/10/2023 15:12 | Atualizado em: 09/10/2023 17:31

Veículo bateu em dois carros e, em seguida, em árvore, na Avenida Recife (Foto: Corpo de Bombeiros de Pernambuco/Divulgação)
Veículo bateu em dois carros e, em seguida, em árvore, na Avenida Recife (Foto: Corpo de Bombeiros de Pernambuco/Divulgação)
O motorista que dirigia o veículo envolvido na colisão que provocou a morte da companheira dele, de 28 anos, foi preso horas após a batida.

O homem, de 27 anos, foi autuado por homicídio de trânsito com dolo eventual por dirigir alcoolizado. A informação foi confirmada pela Polícia Civil de Pernambuco (PCPE) nesta segunda (9). 
 
A prisão foi realizada após o resultado do teste de alcoolemia apresentar positivo. A colisão aconteceu no domingo (8), na Avenida Recife, no bairro de Areias, na Zona Oeste do Recife. 

Ainda segundo a PCPE, a prisão do motorista foi feita por uma equipe da Central de Flagrantes da Capital, no bairro de Campo Grande, na área Central do Recife. O suspeito foi conduzido para prestar depoimento e, em seguida, autuado e colocado à disposição da Justiça. 
 
Colisão na Avenida Recife 

O veículo modelo Honda Civic colidiu fortemente com dois carros. Além da vítima fatal, uma criança de 3 anos, também ficou ferida e segue internada em um hospital particular, no bairro da Ilha do Leite, na área central do Recife. O estado de saúde não foi divulgado.  
 
Segundo a Autarquia de Trânsito e de Transporte Urbano do Recife (CTTU), o excesso de velocidade e direção após a ingestão de bebida alcoólica são infrações gravíssimas previstas pelo Código Brasileiro de Trânsito (CTB). 
 
O órgão ressaltou que a infração está entre as principais causas de mortes e lesões graves no trânsito apontadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL