Diario de Pernambuco
Busca

PERNAMBUCO

Piso da enfermagem: saiba como consultar pagamento pela internet

Ferramenta foi criada pelo governo do Estado, que começou a fazer os pagamentos nesta sexta (29/09)

Publicado em: 29/09/2023 15:43 | Atualizado em: 29/09/2023 16:32

Através do sistema ENFSUS é possível verificar se o pagamento já foi depositado (foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil)
Através do sistema ENFSUS é possível verificar se o pagamento já foi depositado (foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil)

Os profissionais de enfermagem de pernambuco podem consultar pela internet se os valores repassados pelo Ministério da Saúde referentes à lei 14.434/2022, que instituiu o piso salarial nacional da categoria, foram pagos. O governo de Raquel Lyra (PSDB) informou que o novo piso da enfermagem começaria a ser pago nesta sexta (29/09).

 

O sistema ENFSUS (https://dgmog.saude.pe.gov.br/enfSus/index)  permite consultar se o dinheiro já está depositado.  

 

Os valores foram definidos para cada trabalhador, a partir do CPF. Para esclarecer e auxiliar estes profissionais, a Secretaria de Saúde de Pernambuco (SES-PE) desenvolveu canais de comunicação para que eles possam identificar os critérios e a base de cálculos do Ministério da Saúde -  os telefones 3184 0058 e 3184 0012 e o e-mail: enfsus@saude.pe.gov.br. 

 

 

 

Durante reunião realizada pelas Secretarias de Administração e Saúde, na última segunda-feira (25), com a presença dos sindicatos da categoria foi esclarecido que os profissionais devem obedecer a uma série de requisitos estabelecidos pelo Governo Federal para o recebimento do benefício. 

 

Serão beneficiados diretamente pelo auxílio financeiro complementar profissionais da enfermagem de instituições federais, estaduais e municipais, ou que atuam em estabelecimentos que atendem pelo menos 60% dos seus pacientes pelo SUS.

 

Segundo o Ministério da Saúde é preciso ficar atento. Não poderão receber o piso os profissionais que tenham mais de dois vínculos no setor público; carga horária incompatível; que não possuam cadastro no Conselho Federal de Enfermagem (Cofen) e remuneração já compatível com o piso estabelecido. Além disso, não foram contemplados aposentados e pensionistas. 

 

De acordo com a Presidente do Sindicato dos Enfermeiros do Estado de Pernambuco (Seepe), Ludmila Outtes, alguns profissionais já receberam os valores, porém, muitos ficaram sem receber por problemas do Ministério da Saúde. 

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL