Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

ENERGIA

Neoenergia faz reordenamento em bairros no centro do Recife

Publicado em: 05/05/2022 12:46

A ação inspecionou mais de 180 postes, removendo mais de duas toneladas de material irregular
 (Divulgação)
A ação inspecionou mais de 180 postes, removendo mais de duas toneladas de material irregular (Divulgação)
A Neoenergia Pernambuco realizou mais uma ação de reordenamento na cidade do Recife, entre os dias 11 e 20 de abril. A ação fez parte do projeto Internet Segura, onde técnicos da concessionária inspecionam postes e a rede elétrica de determinada localidade, removendo cabos e equipamentos que ocupam as estruturas sem autorização. A remoção de fiações clandestinas elimina riscos de acidentes e incêndios na rede de distribuição, aumentando a segurança dos clientes e melhorando a qualidade do fornecimento.

As ações do Projeto Internet Segura foram realizadas nas ruas João Fernandes Vieira, Monte Castelo, Rua Tabira e Rua Leopoldino Lins, no bairro da Soledade, e nas ruas da Fundição e 24 de agosto, no bairro de Santo Amaro. No total, foram inspecionados 182 postes e removidos 2.130 quilos de material irregular.

Além das ações de ordenamento no centro do Recife, os técnicos da concessionária também realizaram ações de blindagem de rede nos bairros de Mangueira, Torrões e Jordão. A blindagem é uso de uma tecnologia que evita a perda de energia,  que consiste trocar medidores que deixam de ser instalados na fachada ou dentro dos imóveis e passam a integrar um Sistema de Medição Centralizado (SMC), ficando conectados aos postes das distribuidoras. Esses equipamentos permitem a telemedição, ou seja, os dados de consumo de cada cliente são enviados diretamente para as concessionárias.

Nos casos em que uma empresa que possua contrato de compartilhamento de postes com a Neoenergia, conforme exige a resolução, tenha fiação encontrada de forma irregular, ela é notificada sobre a necessidade de adequações de suas redes e tem um o prazo de 30 dias para promover as correções de forma preventiva. 

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Manhã na Clube: entrevista com a dra. Tamara Cristina, endocrinologista
Refugiados ucranianos no Brasil: mais de 10 mil quilômetros longe de casa
Manhã na Clube: entrevista com Miguel Coelho
Manhã na Clube: entrevista com dr. Antônio Manuel de Almeida Dias, presidente da CESPU Europa
Grupo Diario de Pernambuco