Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

OPERAÇÃO

Polícia cumpre mandados de busca e apreensão contra suspeitos de peculato e corrupção no Agreste

Publicado em: 27/04/2022 11:13

A investigação foi iniciada em junho de 2020, com o objetivo de identificar e desarticular associação criminosa. (PCPE/Divulgação)
A investigação foi iniciada em junho de 2020, com o objetivo de identificar e desarticular associação criminosa. (PCPE/Divulgação)
Uma operação começou na manhã desta quarta-feira (27), com o objetivo de identificar e desarticular uma associação criminosa voltada à prática dos crimes de peculato e corrupção em Buíque, no Agreste Meridional. De acordo com a Polícia Civil (PCPE), estão sendo cumpridos 18 mandados de busca e apreensão domiciliar e dois mandados de afastamento cautelar de cargo Comissionado, todos expedidos pela Vara Única da Comarca da cidade.

Peculato é um crime que consiste na subtração ou desvio, mediante abuso de confiança, de dinheiro público ou de coisa móvel apreciável, para proveito próprio ou alheio, por funcionário público que os administra ou guarda. É um dos tipos penais próprios de funcionários públicos contra a administração em geral.

De acordo com a Polícia, a investigação foi iniciada em junho de 2020. O delegado Andrei Rocha, titular da 4ª Delegacia de Combate à
Corrupção (4ª DECCOR), unidade integrante do Departamento de Repressão à Corrupção e ao Crime Organizado (DRACCO), fazem parte da operação é a 19ª deste ano. A ação recebeu o nome de "Anules", e está vinculada à Diretoria Integrada Especializada (DIRESP).

As investigações foram assessoradas pela Diretoria de Inteligência da Polícia Civil de Pernambuco (DINTEL) e pelo Laboratório de Lavagem de Dinheiro (LAB/PCPE). Na execução, estão sendo empregados 110 policiais civis, entre delegados, agentes e escrivães.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Manhã na Clube: entrevistas com Mendonça Filho e dr. Roberto Galvão Filho, oftalmologista
Ataque a tiros em escola nos EUA deixa 21 mortos
Para OMS, varíola do macaco ainda pode ser contida
Manhã na Clube: Henrique Queiroz Filho (PP), Edno Melo (Republicanos) e André Morais (CORECON-PE)
Grupo Diario de Pernambuco