Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

HISTÓRICO

Biblioteca Pública de Olinda se destaca como monumento histórico e multiartístico

Publicado em: 26/04/2022 13:16

Primeiro equipamento do tipo em Pernambuco, o quinto do Brasil, funciona de segunda a sexta das 8h às 17h
 (Sandro Barros)
Primeiro equipamento do tipo em Pernambuco, o quinto do Brasil, funciona de segunda a sexta das 8h às 17h (Sandro Barros)
Quem chega à cidade histórica de Olinda pela entrada principal, encontrará na Avenida Liberdade, nº 100, no Carmo, um prédio centenário, onde encontra-se a quinta biblioteca do Brasil, a primeira de Pernambuco, instituída em 1830, por meio de um decreto imperial de Dom Pedro I. 

Sua primeira alocação foi no Convento de São Francisco. O imóvel da biblioteca é um patrimônio de 191 anos. O prédio é um dos mais antigos do município, retratado no século XVII por Frans Post. 

A biblioteca conta com um acervo de 10 mil livros, incluindo romances, ficções, livros técnicos e históricos. O espaço é comumente frequentado por estudantes da rede pública, turistas, professores e pesquisadores, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Na parte de trás do equipamento, encontra-se a sementeira da cidade, um local arborizado e agradável de visitar. 

No centro de leitura também encontra-se a exposição permanente do pintor caruaruense Fernando Florêncio com 28 ilustrações em óleo, reproduzindo obras consagradas de Gilberto Freyre. As ilustrações são uma ampliação dos desenhos da obra "Olinda", de Gilberto Freyre, e que Florêncio expandiu e deu cor, com pinturas a óleo, respeitando o desenho original do sociólogo. O pintor demorou aproximadamente dez anos para concluir o trabalho, que fica exposto no Salão Manuel Bandeira, na entrada principal do prédio.

Ações Permanentes

Além dos atrativos históricos e artísticos, a Biblioteca Pública mantém suas portas abertas para valorizar e incentivar a literatura e a poesia de Olinda.

Entre as ações estão o Leia Mulheres Olinda, que realiza encontros mensais, com o objetivo de estimular e valorizar as escritoras do município. E também um sarau da Sociedade dos Poetas Vivos de Olinda. 

Espaço aberto para parcerias

A gestão da biblioteca segue aberta para parcerias com artistas, coletivos e instituições educacionais com o objetivo de estabelecer um calendário de atividades voltadas para a arte e educação no equipamento público histórico.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários
Manhã na Clube: entrevista com a dra. Tamara Cristina, endocrinologista
Refugiados ucranianos no Brasil: mais de 10 mil quilômetros longe de casa
Manhã na Clube: entrevista com Miguel Coelho
Manhã na Clube: entrevista com dr. Antônio Manuel de Almeida Dias, presidente da CESPU Europa
Grupo Diario de Pernambuco