Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

Pandemia

Vacinação infantil contra a Covid-19 começará na próxima semana em Pernambuco

Publicado em: 11/01/2022 11:26 | Atualizado em: 11/01/2022 14:18

 (Foto: Sandy James/Esp. DP)
Foto: Sandy James/Esp. DP
A vacinação contra a Covid-19 para crianças de 5 a 11 anos deve começar na próxima semana em Pernambuco. Em coletiva de imprensa concedida na manhã desta terça-feira (11/01), no Palácio do Campos das Princesas, o secretário estadual de Saúde, André Longo, informou que as primeiras doses voltadas para esse público têm previsão de ser enviadas pelo governo federal ao estado ainda nesta semana.

O secretário acrescentou que o comitê de enfrentamento à pandemia, que reúne o governo do estado e os municípios está decidindo detalhes da imunização infantil, mas já se sabe que certos grupos terão prioridade, como crianças indígenas e portadoras de alguns tipos de comorbidades. Longo destacou que meninos e meninas que sofrem de obesidade e de asma são especialmente sucetíveis a desenvolver casos graves de Covid-19 e, por isso, deverão ser vacinados logo.

Na segunda-feira (10), o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, disse ter conseguido antecipar 600 mil doses da vacina pediátrica produzidas pela empresa Pfizer (única autorizada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) até agora), segundo informações publicadas pela Agência Brasil. 
 
A mais recente edição do boletim diário com números da pandemia, publicada na segunda-feira (10) pela Secretaria Estadual de Saúde, não especifica o número de óbitos por síndrome respiratória aguda grave na faixa dos cinco aos 11 anos, mas aponta 75 óbitos entre pernambucanos de zero a nove anos e 47 na faixa dos 10 aos 19. Segundo dados da Associação Nacional dos Registradores de Pessoas Naturais (Arpen-Brasil), 324 crianças de cinco a 11 anos morreram de Covid-19 desde o início da pandemia em todo o país, sendo 11 delas em Pernambuco. O mesmo documento também aponta outras oito mortes de crianças pernambucanas dessa faixa etária, por síndrome respiratória aguda grave, sem especificação de doença, desde o início de 2020.  

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Objeto na Via Láctea como nada que os astrônomos já viram
Manhã na Clube: entrevistas com Dorgivânia Arraes (CRC-PE) e Fabi Soares, consultora de RH
Manhã na Clube: entrevistas com Augusto Coutinho (Solidariedade) e o psicólogo Carol Costa Júnior
Morre Olavo de Carvalho, considerado guru do bolsonarismo
Grupo Diario de Pernambuco