Diario de Pernambuco
Busca

INVESTIGAÇÃO

Suspeito confessa assassinato da menina Beatriz, morta em Petrolina

Publicado em: 11/01/2022 17:17 | Atualizado em: 11/01/2022 22:02

 (Crédito: Arquivo pessoal.)
Crédito: Arquivo pessoal.
A Secretaria de Defesa Social de Pernambuco, por meio do trabalho conjunto das forças estaduais de segurança pública, chegou, nesta terça-feira (11), ao autor do assassinato de Beatriz Angélica Mota, ocorrido em 2015, em Petrolina. Por determinação do governador Paulo Câmara, a Força Tarefa - criada em 2019 para investigar o caso foi mantida mobilizada até a elucidação deste crime.
 
A equipe revisitou todo o inquérito e realizou novas diligências. A identificação do suspeito se deu por meio de análises do banco de perfis genéticos do Instituto de Genética Forense Eduardo Campos, realizadas no dia de hoje, que identificou o DNA recolhido na faca utilizada no crime. Em confrontação de perfis genéticos do banco, chegou-se ao DNA do suspeito, Marcelo da Silva, 40 anos, que se encontra preso por outros delitos em uma unidade prisional do Estado. Ao ser ouvido pelos delegados da Força Tarefa, confessou o assassinato e foi indiciado.

Outras informações serão fornecidas na coletiva que será realizada, nesta quarta-feira (12), às 9h, no auditório da SDS, com representantes da Polícia Civil, Polícia Científica e Ministério Público de Pernambuco.

A garota foi morta em 10 de dezembro de 2015, com 42 facadas, enquanto acontecia a festa de formatura da irmã mais velha. No dia 28 de dezembro do ano passado, após mais de 700 km de caminhada para pedir Justiça, os pais de Beatriz - Sandro Romildo e Lucinha Mota - chegaram ao Recife e foram recebidos pelo governador Paulo Câmara.

Na ocasião, Câmara se mostrou favorável à federalização da investigação do caso, que era o principal pleito da família. Ele também anunciou a demissão de um perito criminal que atuou na investigação, mas prestou serviços particulares de consultoria ao colégio, o que é proibido por lei.

O inquérito, que já passou por oito delegados, tem 24 volumes, 442 depoimentos, sete tipos diferentes de perícias, 900 horas de imagens e 15 mil chamadas telefônicas analisadas. O material  foi remetido ao Ministério Público de Pernambuco em 13 de dezembro de 2021. Os autos já haviam sido enviados em 2019 ao MPPE,  que requisitou novas diligências. 
TAGS: crime | beatriz | beatriz | caso |
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
MAIS NOTÍCIAS DO CANAL

Minecraft Educacional implantado em Petrolina é referência para outros estados

19/08/2022 às 14h55

Camaragibe realiza Dia D de multivacinação neste sábado (20)

19/08/2022 às 14h37

Lições para conscientizar estudantes sobre os perigos do álcool e direção de veículos

19/08/2022 às 14h28

Obra do novo sistema de esgotamento sanitário avança no Cabo e chega ao centro da cidade

19/08/2022 às 14h16

Noronha terá oficina para discutir identidade cultural da ilha

19/08/2022 às 14h14

Novo espaço de atividades físicas de Olinda tem mais de 100 inscrições no primeiro dia

19/08/2022 às 13h42

Prefeitura do Recife reúne conscientização e serviços na Semana Municipal da Pessoa com Deficiência

19/08/2022 às 13h29

Recife terá mais de 180 pontos de imunização abertos para Dia D de Multivacinação e Poliomielite neste sábado (20)

19/08/2022 às 13h26

Instituto Travessia promove empoderamento feminino capacitando mulheres no Cabo de Santo Agostinho

19/08/2022 às 12h45

Jaboatão terá 78 pontos de vacinação no Dia D de Multivacinação

19/08/2022 às 12h40

Colégio Salesiano Recife lança edital para Bolsas Filantrópicas em 2023

19/08/2022 às 12h27

Governo de Pernambuco desapropria terras do Engenho Roncadorzinho, em Barreiros, onde menino foi morto e líder rural foi baleado

19/08/2022 às 12h11

Olinda participa do Dia D da Campanha de multivacinação e atualização de caderneta

19/08/2022 às 11h29

SOS Mãos realiza mutirão de cirurgias gratuitas em crianças e adolescentes em vulnerabilidade social

19/08/2022 às 10h42

Os bancários cobram a reposição da inflação (INPC) mais 5% de ganho real, aumento maior para os vales refeição e alimentação e a garantia de todos os direitos da Convenção Coletiva de Trabalho.

Em campanha nacional, bancários realizam paralisações relâmpago para pressionar Fenaban nesta sexta-feira (19)

19/08/2022 às 10h26

De acordo com a Lei Eleitoral (9.504/97), não é permitida a colocação de material de propaganda de qualquer natureza em árvores e jardins localizados em áreas públicas, bem como em muros, cercas e tapumes divisórios.

TRE-PE recolhe 50 bases de bandeiras eleitorais no Recife

19/08/2022 às 09h29

Quatro novos caso de varíola dos macacos são confirmados, em Pernambuco

18/08/2022 às 19h49

Prefeitura, Nações Unidas e ICLEI assinam carta de intenção para avançar na construção de resiliência climática e prevenção de desastres no Recife

18/08/2022 às 18h30