Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

COVID-19

Procon PE intensifica fiscalização para cumprimento dos novos protocolos de prevenção à Covid-19 e Influenza H3N2

Publicado em: 14/01/2022 15:48

 (Foto: Surama Negromonte.)
Foto: Surama Negromonte.

O Procon/PE intensificou, a partir desta sexta-feira, 14, as fiscalizações para verificar o cumprimento das novas regras de prevenção à Covid-19 e Influenza H3N2, conforme prevê o decreto estadual 52.145, de 11 de janeiro de 2022.

 

A equipe visitou restaurantes e lanchonetes nas praças de alimentação dos shoppings Boa Vista, no Recife; e Tacaruna, em Olinda. Durante a ação, os fiscais orientaram comerciantes e consumidores sobre o novo decreto estadual que determina a exigência do cartão de vacina com imunização completa da Covid-19, que corresponde a duas doses para pessoas com até 54 anos, e a dose de reforço para aquelas com idade igual ou superior a 55 anos. 

 

Durante a ação, os fiscais observaram que os frequentadores apresentavam o cartão vacinal no momento da compra do lanche ou almoço. De acordo com o gerente de Fiscalização do Procon /PE, Pedro Cavalcanti, “É importante que a população, comerciantes e consumidores colaborem com as determinações do novo decreto, visto que, passamos por um aumento nos casos de Covid-19 e Influenza H3N2 no estado, e precisamos nos prevenir e prevenir a todos”.

 

Ainda de acordo com Pedro, a população pode denunciar o não cumprimento das regras através do 0800.282-1512, ou pelo whatsapp do Procon/PE 3181-7000. O trabalho dos fiscais continua nesta sexta-feira, à noite, em bares do Recife.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Morre Olavo de Carvalho, considerado guru do bolsonarismo
Manhã na Clube: entrevistas com André de Paula (PSD), Eduardo Cavalcanti e Epitacio Rolim
OMS: é possível encerrar fase aguda da pandemia este ano
Manhã na Clube: entrevistas com Carlos Veras (PT), Frederico Menezes e Marlon Malassa
Grupo Diario de Pernambuco