Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

CARNAVAL 2022

Olinda anuncia cancelamento do carnaval de rua neste ano

Publicado em: 05/01/2022 11:50 | Atualizado em: 05/01/2022 12:09

Olinda não vai ter Carnaval de rua em 2022, anunciou a gestão municipal. (YouTube/Reprodução)
Olinda não vai ter Carnaval de rua em 2022, anunciou a gestão municipal. (YouTube/Reprodução)
A cidade de Olinda, na Região Metropolitana, não terá as tradicionais festividades carnavalescas neste ano de 2022. De acordo com a Prefeitura, a decisão foi tomada devido à instabilidade da Covid-19, das variantes e da gripe que assolam o país.

"Só iríamos fazer o carnaval, se sentíssemos segurança. A não ser isso, a gente seria irresponsável por expor as vidas. Acima de qualquer evento, está a vida. Isso que é o mais importante. Estamos reunidos aqui para externar que nós tomamos essa decisão em coletividade. Estamos cancelando o carnaval de Olinda. Evidente que isso ocorre após todo o levantamento da Secretaria de Saúde", explicou o prefeito Professor Lupércio (SD).

“O bloco da saúde tá sempre em primeiro lugar. A pandemia continua no mundo inteiro e não tinha como fazer festa com tanta gente ainda pegando Covid e gripe. O Carnaval esse ano não vai pedir passagem, mas bora todo mundo continuar se cuidando pra em 2023 a gente voltar com tudo”, comunicou a prefeitura em publicação nas redes sociais.

Investimento na cultura
Para auxiliar os profissionais que atuam no carnaval, a prefeitura anunciou o investimento de R$ 3 milhões para trabalhadores da área, sendo o Auxílio do Carnaval e o Circuito Cultural: Fomento à Cultura.

O Auxílio do Carnaval  é voltado para quem atua na cultura popular e tradicional do município, além dos ambulantes que atuam no carnaval. De acordo com a gestão, o auxílio deve seguir os moldes do que foi concedido em 2021, mas detalhes ainda estão sendo definidos. Dessa vez os ambulantes cadastrados na prefeitura também podem ser beneficiados.

O segundo ponto foi a criação de um incentivo a realização de festivais por meio de um edital para concepção e execução de festivais multiculturais. Entre os festivais municipais citados estão o Festival da Tapioca, Festival da Cerveja Artesanal e Festival Olinda Dá Gosto. Não foram divulgadas informações do processo seletivo.

Segundo o gestor municipal, a definição sobre festas privadas deve ficar a cargo do Governo de Pernambuco. As festas privadas podem reunir até 7,5 mil pessoas ou 80% da capacidade do local em que forem realizadas até o momento.

Confira o anúncio:
TAGS: olinda | anuncia | cancelamento | do | carnaval | de | rua | neste | ano |
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube: entrevistas com Augusto Coutinho (Solidariedade) e o psicólogo Carol Costa Júnior
Morre Olavo de Carvalho, considerado guru do bolsonarismo
Manhã na Clube: entrevistas com André de Paula (PSD), Eduardo Cavalcanti e Epitacio Rolim
OMS: é possível encerrar fase aguda da pandemia este ano
Grupo Diario de Pernambuco