Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

ENEM

Primeiro dia do Enem acontece neste domingo com mais de 178 mil candidatos em Pernambuco

Publicado em: 21/11/2021 15:49

 (Foto: Sandy James/ESP. DP. Foto (@sandyjamesfoto))
Foto: Sandy James/ESP. DP. Foto (@sandyjamesfoto)
Com "a cara do governo", de acordo com o presidente da República, que exigiu modificações na prova, o primeiro dia do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) aconteceu neste domingo (21). Neste primeiro dia, a prova é dividida em 90 questões ao total, sendo 45 de linguagens, códigos e suas tecnologias, e as outras 45 de ciências humanas e suas tecnologias, além da redação, que teve como tema "Invisibilidade e registro civil: garantia de acesso à cidadania no Brasil", divulgado no twitter pelo ministro da Educação, Milton Ribeiro, às 13h47, depois do fechamento dos portões, que foi às 13h, e início da prova, às 13h30. Neste domingo, a prova vai até às 19h.

No Brasil, são 3,1 milhões de inscritos, destes, foram 178.777 em Pernambuco, sendo 40.054 no Recife. A Universidade Católica de Pernambuco (Unicap) foi um dos maiores polos de prova da capital, com 3.782 candidatos, sendo 3.580 realizando a prova na modalidade impressa e 202 na modalidade digital. Houve registro de pelo menos duas pessoas que perderam o horário da prova na Unicap; com a correria para não perder o horário, uma outra candidata passou mal após conseguir entrar pelo portão do bloco G.

Com candidatos e candidatas desde cedo no local, a movimentação foi grande entre inscritos e seus acompanhantes, que prestavam apoio emocional após um ano de estudo e dedicação para a prova. A abertura dos portões foi tumultuada, mas tudo seguiu com tranquilidade. No entanto, teve correria dos candidatos no fechamento. 

A candidata Thaís Chaynne, de 21 anos, contou que se prepara para ingressar em medicina há três anos, mas os últimos dois anos foram mais difícil com as aulas online por conta da pandemia. "Foi bem difícil. Além da pandemia, também tem o trabalho. Então, tem que conciliar trabalho, estudo, curso e fica tudo uma bagunça. Tem que parar para estudar, parar para trabalhar, e a pandemia também não deixa, porque tem a aula online, mas eu prefiro o presencial". Chaynne revelou não ter tido uma boa adaptação com o formato das aulas online. "Não dava de jeito nenhum. O presencial voltou e, mesmo sendo agora bem no final, ficou mais tranquilo", afirmou. Ela estava acompanhada da mãe, que ficou aguardando no local após a sua entrada pelos portões.

Por sua vez vestibulando Asael Torres, de 18 anos, também concorda que a aula online é mais complicada e diferente da presencial, "mas tem que se adaptar". "Já fiz a prova outras vezes, mas foi por experiência. Desta vez, foi o ano todo me preparando, mas nada é tão ansioso quanto o dia e a semana, que é quando a gente revisa tudo e mais um pouco, passa o dia estudando, mas tem que relaxar antes da prova", confessou.

Já Raissa Maria, de 27 anos, que é formada em moda, quer prestar vestibular para mudar de área. "Fiz o Enem em 2012 e estou tentando retornar em outra carreira. Foi um ano de preparação com aula online. Perdi ano passado e esse ano estou tentando de novo".

O segundo dia do Enem vai acontecer no próximo domingo (28), e a prova vai até às 18h30, mas também com abertura dos portões às 12h e fechamento às 13h. Na próxima semana, serão 90 questões divididas entre matemática e suas tecnologias e ciências da natureza e suas tecnologias. 
TAGS: unicap | recife | pernambuco | 2021 | enem |
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube: entrevistas com Alberto Feitosa (PSC), Márcia Horowitz e Andreia Rodrigues
Justiça por Beatriz: pais organizam peregrinação de 720 km para cobrar solução de assassinato
Pessoas que já tiveram covid podem adoecer novamente devido à ômicron
Reino Unido aprova mais um medicamento contra Covid-19
Grupo Diario de Pernambuco