Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

TRÂNSITO

Detran realiza ação para estimular gentileza no trânsito 

Publicado em: 11/11/2021 10:37

 (Foto: Leandro de Santana/Arquivo DP)
Foto: Leandro de Santana/Arquivo DP

Para marcar o Dia da Gentileza, comemorado em 13 de novembro, o Departamento Estadual de trânsito (Detran-PE), realiza nesta sexta-feira (12) e no sábado (13), ações voltadas para conscientizar condutores de veículos da necessidade de maior harmonia nas vias públicas.  

Com o tema "A maior gentileza é proteger a vida" na sexta (12), a operação será das 7h às 8h30, na rua Salvador de Sá, 1181, em frente ao Colégio Fazer Crescer, no bairro do Rosarinho, na Zona Norte do Recife. No sábado (13), a ação acontecerá, das 7h30 às 10h30, no cruzamento da Rua do Futuro com a Rua Antenor Navarro, no bairro das Graças. 

 

De acordo com o Detran, a ação tem o objetivo de  focar no respeito a faixa de pedestre, considerando que 46% das vítimas de sinistros no trânsito são pedestres, conforme dados do Comitê de Prevenção de Acidentes de Trânsito. Nos dois dias, técnicos do Detran-PE vão instalar cancelas móveis, em faixas de pedestre nos pontos escolhidos, com mensagens educativas.

Desenvolvida pela Coordenação de Educação de Trânsito, Imprensa e Publicidade Institucional do Detran por meio da Escola Pública de Trânsito, a ação busca sensibilizar condutores para respeitar os pedestres, considerados as maiores vítimas da violência no trânsito.  

"Vamos estimular que o motorista pare na faixa, reduza a velocidade em áreas de escolas e use o cinto de segurança corretamente", explica o gerente da Escola Pública de Trânsito, Ivson Correia. 

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube: entrevistas com Alberto Feitosa (PSC), Márcia Horowitz e Andreia Rodrigues
Justiça por Beatriz: pais organizam peregrinação de 720 km para cobrar solução de assassinato
Pessoas que já tiveram covid podem adoecer novamente devido à ômicron
Reino Unido aprova mais um medicamento contra Covid-19
Grupo Diario de Pernambuco