Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

ELEIÇÕES

Com disputa acirrada, eleição da OAB-PE acontece na terça-feira (16)

Publicado em: 15/11/2021 08:30

OAB-PE (Foto: Jorge Gregório)
OAB-PE (Foto: Jorge Gregório)
Na terça-feira (16), as chapas Renova OAB, composta por Almir Reis e Fernanda Resende e Advocacia Mais Unida, composta por Fernando Ribeiro Lins e Ingrid Zanella, disputam a presidência e vice-presidência nas eleições da Ordem dos Advogados de Pernambuco (OAB-PE).  Sendo a primeira chapa integrante da oposição da atual gestão, e a segunda, de situação, que tem o apoio do atual presidente da Ordem, Bruno Baptista, a disputa está acirradíssima.

As eleições acontecem a cada três anos para eleger um novo grupo, composto, majoritariamente, por presidente e vice-presidente, além de conselheiros que comandarão a OAB Pernambuco e as 25 subseções nos municípios. Em Pernambuco, todos os 23.533 advogados e advogadas têm a obrigatoriedade de votar, estando sob pena de pagamento de multa no valor equivalente a 20% da anuidade, caso a ausência não seja justificada. Já para se candidatar ao pleito, pela cláusula de barreira do exercício da profissão de, no mínimo, três anos, nem todos os advogados podem concorrer. Moradores de Recife e Olinda, maior colégio eleitoral do Estado, estarão aptos a votar no Classic Hall, na Avenida Agamenon Magalhães, das 9h às 17h da terça. 

O conselheiro estadual e membro da Comissão Eleitoral da OAB-PE, Antonio Gonçalves, explicou que existem assuntos que o presidente não decide sozinho. "Ele consulta o conselho. A chapa é formada pelo presidente, vice-presidente, diretores, tesoureiros e pelos conselheiros titulares e suplentes. Hoje, a gente tem que obedecer a cota de mulheres e negros. O Conselho Federal é o mais amplo, e existem os seccionais em cada Estado, e as subseccionais em alguns municípios. Lá, eles também têm conselheiros, mas as matérias que votam são menores", pontuou. 

Advocacia Mais Unida 
A chapa que tem o apoio do atual presidente da OAB-PE, Bruno Baptista, é a Advocacia Mais Unida, que tem como candidato a presidente o atual presidente da Caixa de Assistência dos Advogados de Pernambuco (CAAPE), Fernando Ribeiro Lins, e concorrendo como vice-presidente, a atual vice-presidente da Ordem, Ingrid Zanella.

Fernando Ribeiro Lins é militante na área do direito cível, teve passagem pela Secretaria-Geral e Secretaria-Geral Adjunta da OAB-PE, além de cerca de 10 anos de dedicação voluntária à instituição. Ao lado de Bruno Baptista e Ingrid Zanella, Fernando pôde contribuir com avanços para a categoria, liderando as reformas nas sedes de subseccionais do interior de Pernambuco, em Caruaru, Garanhuns, Goiana, e a regularização dos advogados dativos e atos públicos contra fechamento de comarcas. "Qualquer um que lembrar como era a nossa instituição há alguns anos e como a OAB-PE está hoje, oferecendo tantos serviços para a advocacia, vai ver que é um trabalho vitorioso, com muitas conquistas. É essa experiência de gestão, com muita disposição para trabalhar, com independência, buscando sempre a união da advocacia, que me fez colocar meu nome para as conquistas continuarem avançando", afirmou o candidato, em nota.

Já Ingrid Zanella na gestão junto com Baptista, passou a assumir o posto de co-presidente, dividindo o trabalho, decisões e o protagonismo com o presidente. Ela liderou a luta pela paridade de gênero na formação das chapas das eleições da OAB-PE, e também da cota racial de 30% para advogadas e advogados negros. Tendo a independência política como principal bandeira, ela contou ter sido acolhida no órgão. “Eu sou a prova viva disso e a própria formação da nossa chapa, com mais de 60% de renovação, mostra bem isso. Aqueles que dizem que não houve espaço é porque estavam em busca de um projeto pessoal, e não de um projeto coletivo, que atenda a todos". 

Renova OAB 
A  chapa de oposição à atual gestão da OAB-PE é composta por Almir Reis, como candidato a presidente, e Fernanda Resende, candidata à vice-presidente.
Recifense, Almir Reis já atuou no Instituto Brasileiro de Direito Previdenciário (IBDP), na Associação dos Advogados Previdenciaristas de Pernambuco (AAPREV) e no Conselho Federal do Instituto dos Advogados Previdenciários (IAPE). Professor de direito previdenciário em cursos de pós-graduação, Reis coordenou o Simpósio Internacional de Direito Previdenciário na Havard Law School, a mais prestigiada faculdade de direito do mundo.

Aos 35 anos de idade e já tendo percorrido centenas de municípios do Litoral ao Sertão, Almir adiantou. "O sentimento de renovação nos conecta à maioria. Tudo que tenho na vida é fruto de muito trabalho e da advocacia. Chegou a hora de retribuir e servir aos advogados".

Fernanda Resende, que concorre à vice-presidência da Renova OAB é mestre em direito processual civil pela Unicap. Ela foi fundadora do Núcleo de Prática Jurídica da Faculdade Metropolitana e da Faculdade Guararapes, e fez os primeiros convênios dos núcleos de mediação e conciliação com o Tribunal de Justiça. Recebeu a Medalha do Mérito Vidal de Negreiros, da Câmara Municipal do Jaboatão dos Guararapes por conta do projeto Cidadania, que levava os alunos às comunidades. Professora de direito, já formou mais de três mil alunos na área. 
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Erupção de vulcão na ilha de Java deixou 34 mortos
Manhã na Clube: entrevistas com Teresa Leitão (PT/PE), Almir Mattias e Renata Berenguer
Laboratório anuncia teste para diferenciar o coronavírus da gripe A e B
Manhã na Clube: entrevistas com Alberto Feitosa (PSC), Márcia Horowitz e Andreia Rodrigues
Grupo Diario de Pernambuco