Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

GRANDE RECIFE

Suspeito de matar artista de rua a facadas em vagão do metrô é preso em flagrante em Afogados

Publicado em: 22/09/2021 16:30 | Atualizado em: 22/09/2021 17:07

Delegado Bruno de Ugalde explicando como o suspeito foi preso (Foto: Divulgação/PCPE)
Delegado Bruno de Ugalde explicando como o suspeito foi preso (Foto: Divulgação/PCPE)
Foi preso em flagrante, nesta quarta-feira (22), o homem suspeito de matar um artista de rua a facadas dentro de um vagão de metrô, nas imediações do Mercado de Afogados, na Zona Oeste do Recife. De acordo com a Polícia Civil de Pernambuco, a prisão aconteceu por volta das 12h e o suspeito, que é um ambulante de 19 anos conhecido entre as estações como 'cachorrinho', confessou o crime. Ele vai responder por duplo homicídio qualificado, com motivo fútil e cruealdade.   

O crime aconteceu à luz do dia, por volta das 12h, dessa terça-feira (21), em um metrô da Linha Sul que passava entre as estações Imbiribeira e Antônio Falcão, na Zona Sul do Recife. No momento do homicídio, o trem estava lotado e em movimento. Através de vídeos nas redes sociais, é possível ver as pessoas assustadas diante da cena que presenciaram. Alguns passageiros, inclusive, passaram mal e chegaram a ser socorridos pelo Serviço de Atendimento Móvel (Samu).

O suspeito, por sua vez, conseguiu fugir do local após acionar o freio de emergência do trem. Ele teria pulado do veículo, que não comporta câmeras nos vagões, somente nas estações. A Polícia Militar esteve no local do crime nessa terça para isolar o lugar. 

De acordo com o delegado Bruno de Ugalde, responsável pelas investigações, o suspeito disse que a vítima, identificada como Bruno Henrique, de 22 anos, teria furtado o celular dele no dia anterior (na segunda-feira). "Inconformado com a situação, o suspeito voltou para a sua residência, pegou uma faca e no dia seguinte voltou para a estação. A Polícia Civil acredita que ele já queria praticar o homicídio, abordou a vítima quando chegou, trocou meia dúzias de palavras e, em seguida, efetuou vários golpes de faca". 

Ao todo, oito facadas foram efetuadas contra a vítima, que faleceu no local. Ainda segundo o delegado, o amigo da vítima confirmou que o suspeito estava desconfiado que o artísta de rua havia furtado o seu celular. Ao ser identificado e apreendido, 'Cachorrinho' disse à polícia que estava nas imediações do Mercado de Afogados para se apresentar à delegacia do bairro. 

Para dar andamento às investigações, outras testemunhas ainda serão ouvidas. "Estamos ouvindo testemunhas desde ontem, hoje ouvimos mais algumas testemunhas, inclusive a irmã do suspeito, que teria tomado conhecimento do fato. A gente segue com as investigações, até para identificar mais testemunhas oculares e concluiremos as investigações num prazo de dez dias", explicou Ugalde. 

O suspeito passará por audiência de custódia nesta quinta-feira (23). Segundo a polícia, ele é réu primário, e, caso seja condenado, irá responder por duplo homicídio qualificado, por motivo fútil e cruealdade. 












Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Baixas na equipe de Guedes
Trump anuncia planos para lançar nova rede social
Manhã na Clube: entrevistas com Teresa Leitão (PT), Fernandes Arteiro e José Teles
CPI da Pandemia recomenda indiciamento de Bolsonaro
Grupo Diario de Pernambuco