Diario de Pernambuco
Diario de Pernambuco
Digital Digital Digital Digital
Digital Digital Digital Digital
Notícia de Local

LAZER

Sinagoga reabre as portas para visitação presencial no Centro do Recife

Publicado em: 30/09/2021 12:30

 (Foto: Divulgação)
Foto: Divulgação


O Museu Sinagoga Kahal Zur Israel, localizado na Rua do Bom Jesus, bairro do Recife, anunciou a reabertura neste domingo (3), após um ano e seis meses de pausa por conta da pandemia da Covid-19. O local estará aberto para receber o público de forma presencial para grupos de até 25 pessoas a cada horário. Segundo o museu, o espaço está adequado às normas sanitárias vigentes no estado, seguindo todos os protocolos necessários à prevenção do coronavírus. O funcionamento será nas terças e sextas, das 10 às 16hs; e aos domingos das 14 às 18hs. A entrada custa R$ 30 inteira e R$ 15 meia (estudantes, professores e idosos). 

Ao reabrir suas portas, o Museu-Sinagoga Kahal Zur Israel oferece aos visitantes um passeio pela história da presença judaica em Pernambuco, retratada em painéis, mapas, pinturas e fotografias. No século XVI, havia um importante núcleo de judeus que haviam sidos forçados a se converter ao cristianismo. Dessa maneira, o judaísmo era praticado de forma velada, às escondidas, sob pena de serem alvos da ação do Tribunal do Santo Ofício, de Portugal. 

No século XVII, durante o período da dominação holandesa no Nordeste do Brasil, aqui no Recife foi constituída a primeira comunidade judaica oficialmente reconhecida nas Américas, a qual construiu a Kahal Zur Israel em 1636. Extinta 18 anos depois, em 1654, a Sinagoga foi restaurada e revivida no ano 2000. No século XX ondas migratórias, vindas principalmente do leste europeu constituíram a moderna comunidade judaica em Pernambuco. 

Na visita, um dos destaques é conhecer o salão do Templo. Além das exposições fixas, há no momento, a exposição intitulada “Alguns Eram Vizinhos”, promovida pelo Consulado Geral da Alemanha em Recife, que reflete sobre a atitude da população alemã em relação aos judeus lá residentes no período que redundou na Segunda Guerra Mundial e no Holocausto.  

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
CPI da Pandemia recomenda indiciamento de Bolsonaro
Manhã na Clube: entrevistas com Sileno Guedes e com a nutricionista Joyce Alencastro
CPI da Pandemia chega ao final com homenagens às vítimas da Covid
Manhã na Clube: ex-ministro Roberto Freire, dr. Cláudio Falcão e o advogado Pedro Avelino
Grupo Diario de Pernambuco